Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. João 14:6

__________________VERSÍCULOS DO DIA ______________

Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á. Mateus7:7
Por isso vos digo que todas as coisas que pedirdes, orando, crede receber, e tê-las-eis. Marcos11:24
>
- se preferir texto parado, pare o mouse sobre o versículo-

Abaixo publico algumas anotações sobre estes versículos.
Não deixe de ler as citações bíblicas, pois delas é que compartilho
* Deus nos abençoe *
***
*Faça a sua reflexão sobre estes versículos, pois DEUS quer falar diretamente com você, lembre-se que ELE te chama pelo seu nome e quer escrevê-lo e mantê-lo no Livro da Vida Eterna.*
***

(Se necessário, ATUALIZE A FOLHA PARA VISUALIZAR AS ANOTAÇÕES DOS VERSÍCULOS DE HOJE
http://wwwcompartilhar.blogspot.com/


sábado, 3 de março de 2012

Versículos do dia: com a Presença do Pai Celestial conosco, façamos ‘a diferença’!

 

 

images (50)

Technorati Marcas:

 

Grande é o Senhor e digno de ser louvado; sua grandeza não tem limites.Salmos 145:3

Vejam como é grande o amor que o Pai nos concedeu: que fôssemos chamados filhos de Deus, o que de fato somos! Por isso o mundo não nos conhece, porque não o conheceu.1 João 3:1

 

O Senhor está perto de todos os que o invocam, de todos os que o invocam com sinceridade.Realiza os desejos daqueles que o temem; ouve-os gritar por socorro e os salva.Salmos 145:18-19- Deus não está longe como muitos acham, Ele se faz presente a todo instante se buscarmos por Ele em sinceridade de coração, e até os nossos desejo vem realizar se lhes temos o devido temor, ouve nossas suplicas por socorro, quer por palavras ou em gritos internos de amargura, e seu socorro é bem presente, temos que reconhecer que Deus é grandioso, o Todo Poderoso, e que somente Ele é digno de nossa adoração, de ser louvado a cada respirar nosso, pois tudo, inclusive nós só existimos e subsistimos por Ele, e assim temos que ser nosso viver para Ele, pois não há limites em seu Amor por nós, pois se antes éramos suas criaturas, aliás para Ele somos a de maior valor, uma preciosidade que Ele cuida com maior zelo, e assim ‘lapida’ aos que a Ele se chegam ainda em forma ‘bruta’, isto tudo nos fora por Ele comprovado da forma mais esplêndida, pois saindo de Sua própria Glória nos enviou Seu Filho Amado Jesus para resgatar nossa vida que já havia sido envolvida pelo engano nas garras do maligno, e para este ‘resgate’ Jesus pagou o preço mais alto que nem podemos imaginar… e diante de ter visto Deus o quão fiel fora Seu filho e a forma como tudo realizou com a maior compaixão à sua criatura, o homem, que de tanto se agradou que acolheu, acolhe ‘todos quantos’ assim aceitar ser resgatado de volta à Ele, já não mais como criaturas mas sim como ‘filhos’ em Seu Filho Jesus, feito tão maravilhoso que somente podemos entender ao conhecermos pela fé, e passamos até não sermos entendidos por quem ainda esta apenas no mundo sem esta fé da qual Jesus é autor e consumador, realmente não há limites para a grandeza de Deus. Temos que reconhece-lo, e de todas as formas que já nos apresentaste em Suas Escrituras, e, mesmo antes de tão maravilhosa Graça da Salvação, observemos como Davi, o faz, cantemos a Deus sempre uma ‘nova canção de gratidão’ :

Bendito seja o Senhor, a minha Rocha, que treina as minhas mãos para a guerra e os meus dedos para a batalha.
Ele é o meu aliado fiel, a minha fortaleza, a minha torre de proteção e o meu libertador, é o meu escudo, aquele em quem me refugio. Ele subjuga a mim os povos.
Senhor, que é o homem para que te importes com ele, ou o filho do homem para que por ele te interesses?
O homem é como um sopro; seus dias são como uma sombra passageira.
Estende, Senhor, os teus céus e desce; toca os montes para que fumeguem.
Envia relâmpagos e dispersa os inimigos; atira as tuas flechas e faze-os debandar.
Das alturas, estende a tua mão e liberta-me; salva-me da imensidão das águas, das mãos desses estrangeiros,
que têm lábios mentirosos e com a mão direita erguida juram falsamente.
Cantarei uma nova canção a ti, ó Deus; tocarei para ti a lira de dez cordas,
para aquele que dá vitória aos reis, que livra o seu servo Davi da espada mortal.
Salmos 144:1-10

Eu te exaltarei, meu Deus e meu rei; bendirei o teu nome para todo o sempre!
Todos os dias te bendirei e louvarei o teu nome para todo o sempre!
Grande é o Senhor e digno de ser louvado; sua grandeza não tem limites.
Uma geração contará à outra a grandiosidade dos teus feitos; eles anunciarão os teus atos poderosos.
Proclamarão o glorioso esplendor da tua majestade, e meditarei nas maravilhas que fazes.
Anunciarão o poder dos teus feitos temíveis, e eu falarei das tuas grandes obras.
Comemorarão a tua imensa bondade e celebrarão a tua justiça.
O Senhor é misericordioso e compassivo, paciente e transbordante de amor.
O Senhor é bom para todos; a sua compaixão alcança todas as suas criaturas.
Rendam-te graças todas as tuas criaturas, Senhor; e os teus fiéis te bendigam.
Eles anunciarão a glória do teu reino e falarão do teu poder,
para que todos saibam dos teus feitos poderosos e do glorioso esplendor do teu reino.
O teu reino é reino eterno, e o teu domínio permanece de geração em geração. O Senhor é fiel em todas as suas promessas e é bondoso em tudo o que faz.
O Senhor ampara todos os que caem e levanta todos os que estão prostrados.
Os olhos de todos estão voltados para ti, e tu lhes dás o alimento no devido tempo.
Abres a tua mão e satisfazes os desejos de todos os seres vivos.
O Senhor é justo em todos os seus caminhos e é bondoso em tudo o que faz.
O Senhor está perto de todos os que o invocam, de todos os que o invocam com sinceridade.
Realiza os desejos daqueles que o temem; ouve-os gritar por socorro e os salva.
O Senhor cuida de todos os que o amam, mas a todos os ímpios destruirá.
Com meus lábios louvarei ao Senhor. Que todo ser vivo bendiga o seu santo nome para todo o sempre!
Salmos 145:1-21

Temos que fazer realmente a diferença entre os que estão somente no mundo, sem esta fé, e termos também compaixão como Jesus nos ensina, e da mesma forma como como Ele ‘tudo quanto fizermos’ que seja para glorificar o nome de Deus, pois como já dissera Moises, também antes desta tão maravilhosa Graça, quando buscava pela presença de Deus com ele e o povo que guiava: “Como se saberá que eu e o teu povo podemos contar com o teu favor, se não nos acompanhares? Que mais poderá distinguir a mim e a teu povo de todos os demais povos da face da terra? " Êxodo 33:16”e assim ‘falava à Deus’ já tendo reconhecido antes que esta ‘diferença’ se daria para que fosse glorificado o nome de Deus, e, nós hoje, que tendo vindo Jesus morrer por nós, sendo ressuscitado por Deus para Vivo estar conosco, nos enviando até o próprio Espirito Santo para conosco habitar, se fazendo Deus presente em nós mesmos a cada respirar nosso, estamos assim sendo ‘distinguidos’ dos demais? e tudo quanto fazemos que possa nos ‘distinguir’ é somente para glorificar o nome de Deus? vamos refletir e meditar muito sobre isto em nosso viver…

E Observemos quão grande tem que ser esta diferença, porque realmente é o extremo, pois quando passamos de ‘criaturas de Deus’ para ‘filhos de Deus’, somos tirados das trevas malignas para a Luz de Deus, e entre estas duas não há ‘meia-luz' , tudo que não for da e na Luz que Jesus no veio trazer, o que claramente está em sua VERDADE que deixou registrado no Evangelho que pregou e viveu, será ‘luz falsa do enganoso satanás que é o senhor das trevas, vejamos quão claro fora João em sua 1ª carta, neste capítulo sugerido hoje para reflexão:

Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que havemos de ser, mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele, pois o veremos como ele é.
Todo aquele que nele tem esta esperança purifica-se a si mesmo, assim como ele é puro.
Todo aquele que pratica o pecado transgride a Lei; de fato, o pecado é a transgressão da Lei.
Vocês sabem que ele se manifestou para tirar os nossos pecados, e nele não há pecado.
Todo aquele que nele permanece não está no pecado. Todo aquele que está no pecado não o viu nem o conheceu.
Filhinhos, não deixem que ninguém os engane. Aquele que pratica a justiça é justo, assim como ele é justo.
Aquele que pratica o pecado é do diabo, porque o diabo vem pecando desde o princípio. Para isso o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do diabo.
Todo aquele que é nascido de Deus não pratica o pecado, porque a semente de Deus permanece nele; ele não pode estar no pecado, porque é nascido de Deus.
Desta forma sabemos quem são os filhos de Deus e quem são os filhos do diabo: quem não pratica a justiça não procede de Deus; e também quem não ama seu irmão.
1 João 3:2-10

Esta é a mensagem que vocês ouviram desde o princípio: que nos amemos uns aos outros.1 João 3:11- muito sério é este amor que devemos ter, pois é o “novo mandamento” que Jesus nos deu justamente para que façamos ‘a diferença’ , lembremos o que disse: “ "Um novo mandamento lhes dou: Amem-se uns aos outros. Como eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros. Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros".João 13:34-35- meditemos o quão grande tem que ser o nosso amor uns para com os outros, para que realmente sejamos ‘destinguidos’ dos demais, para que sejamos identificados com dísicpulos de Jesus, e João neste trecho diz :

Não sejamos como Caim, que pertencia ao Maligno e matou seu irmão. E por que o matou? Porque suas obras eram más e as de seu irmão eram justas.
Meus irmãos, não se admirem se o mundo os odeia.
Sabemos que já passamos da morte para a vida porque amamos nossos irmãos. Quem não ama permanece na morte.
Quem odeia seu irmão é assassino, e vocês sabem que nenhum assassino tem vida eterna em si mesmo.
Nisto conhecemos o que é o amor: Jesus Cristo deu a sua vida por nós, e devemos dar a nossa vida por nossos irmãos.
Se alguém tiver recursos materiais e, vendo seu irmão em necessidade, não se compadecer dele, como pode permanecer nele o amor de Deus?
Filhinhos, não amemos de palavra nem de boca, mas em ação e em verdade.
1 João 3:12-18

Já sabemos que amar não são palavras ditas, mas sim atitudes, e bem claro foi João, e atentemos que o contrário, quem não tem deste amor, já pelo próprio sentimento é considerado como a um ‘assassino’ , pois não tem vida em si mesmo, e ainda dependendo de seus atos, palavras, acabam até por tirar esta ‘vida’ de outro, indo até além, pois quem alimenta tais sentimentos contrários ao amor, podem chegar realmente a cometer um  assassinato. Agora se observarmos o mandamento nos dado por Jesus e seu viver, e nEle estivermos já passamos da morte para a vida, esta é a VERDADE que nos veio trazer Jesus, sendo também o que faz ‘a diferença’, pois entre este Amor que devemos ter, e qualquer outro sentimento que não esteja em Sua VERDADE, não há ‘meio-termos’ , Deus é Amor, satanás é ódio. E se assim amamos como nos ensina Jesus, o qual viveu e até por este amor por nós morreu, logo podemos ter a certeza da Presença de Deus conosco, em paz fica nosso coração, e bem sabemos que Deus é maior até que nosso coração e somente dEle através de Jesus nos vem esta ‘Paz’, assim poderemos ter um viver que agrade à Deus, pelo qual somos chamados de filhos que lhe tem o devido temor e o obedece em seu mandar, e assim procedendo podemos ter total confiança de que atenderá aos nossos pedidos como Pai Amoroso que É, e nada mais nos resta a fazer a não ser ‘adorar e louvar’ em espirito, e em verdade com nosso viver!

Assim saberemos que somos da verdade; e tranqüilizaremos o nosso coração diante dele
quando o nosso coração nos condenar. Porque Deus é maior do que o nosso coração e sabe todas as coisas.
Amados, se o nosso coração não nos condenar, temos confiança diante de Deus
e recebemos dele tudo o que pedimos, porque obedecemos aos seus mandamentos e fazemos o que lhe agrada.
1 João 3:19-22

Para que saibamos como realmente cumprir com o mandar de Deus e lhe ser agradável com nosso viver, necessário nos é criar o hábito de ler as Escrituras Sagradas, com reflexão e meditação, para que o Santo Espirito nos oriente em ter o conhecimento da VERDADE de Deus para nossas vidas!

Fica o link dos capítulos sugeridos com os versículos de hoje, para reflexão e meditação.

http://www.bibliaonline.com.br/nvi/sl/145

http://www.bibliaonline.com.br/nvi/1jo/3

sexta-feira, 2 de março de 2012

Versículos do dia: viver com ‘descanso em DEUS’ !

 

 

 

images (46)

Technorati Marcas:

 

Respondeu o Senhor: "Eu mesmo o acompanharei, e lhe darei descanso".Êxodo 33:14

Assim, ainda resta um descanso sabático para o povo de Deus;Hebreus 4:9

 

Somos humanos, falhos, cada qual tem suas ‘fraquezas’, pois não somos ‘auto-suficientes’ para vivermos em total fortaleza de ser em plenitude de vida, sentimos cansaço físico e até mental, mas se completarmos nosso ser com a Presença do Criador em nós superamos a tudo isto; vejamos neste pequeno trecho do Livro de Êxodo sugerido com os versículos de hoje,  quão maravilhoso era Deus com Moisés que lhe falava pessoalmente como a um amigo, e lhe diz que Ele mesmo, o próprio Deus o acompanharia e lhe daria descanso, isto porque Moisés estava se sentindo ‘enfadado’  com o povo a quem tinha que guiar, e tendo Deus lhe dito que mesmo enviando um anjo adiante deles  para lhes livrarem pelo caminho para tomarem posse da ‘terra prometida’, não estaria com eles por causa de seus pecados, assim Moisés sabia que ficaria  ‘fragilizado’ em sua missão, e pede a Presença de Deus, sabendo que se assim fosse poderia cumprir com o propósito de Deus, e isto tudo ‘rogando’ a Deus por si e pelo povo, e que sendo cumprido sua missão seria para que fosse glorificado o nome de Deus. Quando Moisés ia ‘se encontrar’ com Deus para  ‘conversar’ com Ele, dirigia-se a uma tenda fora do acampamento, onde a coluna de nuvem se punha à entrada da tenda, e, atentemos que neste momento relatado neste trecho,  a forma como ele falava: “Como se saberá que eu e o teu povo podemos contar com o teu favor, se não nos acompanhares? Que mais poderá distinguir a mim e a teu povo de todos os demais povos da face da terra? "Êxodo 33:16- isto porque anteriormente  já havia se referido de que pelo êxito de sua missão seria Deus glorificado entre os povos; e, Deus reconhecia e chamava Moisés pelo nome, “O Senhor disse a Moisés: "Farei o que me pede, porque tenho me agradado de você e o conheço pelo nome".-Êxodo 33:17- e lhe atende a petição porque se agradava de Moisés, que lhe era fiel, e lhe tinha o devido ‘temor’  (obediência pelo respeito e amor ), enquanto o povo somente ‘obedecia’ quando já totalmente envolvidos em ‘pecados’ e eram de alguma forma ‘punidos’, como vemos no início deste capítulo de êxodo quando Deus estava ‘irado’ com aquele povo que até adoravam a um ‘bezerro feito de ouro’ e se entregavam à farras diante dele( Êxodo 32), ao ponto de ter dito a Moises que se estivesse com eles os destruiriam, e assim obedecem  “Vão para a terra onde manam leite e mel. Mas eu não irei com vocês, pois vocês são um povo obstinado, e eu poderia destruí-los no caminho".Quando o povo ouviu essas palavras terríveis, começou a chorar, e ninguém usou enfeite algum.Isso porque o Senhor ordenara que Moisés dissesse aos israelitas: "Vocês são um povo obstinado. Se eu fosse com vocês, ainda que por um só momento, eu os destruiria. Agora tirem os seus enfeites, e eu decidirei o que fazer com vocês".Por isso, do monte Horebe em diante, os israelitas não usaram mais nenhum enfeite.Êxodo 33:3-6- claramente podemos ver a diferença entre Moises totalmente fiel e obediente a Deus, e,  dedicado em sua missão que intercedia sempre pelo perdão de Deus àquele povo, enquanto eles só obedeciam em momento de ‘palavras duras por parte de Deus’  em um temor de arrependimento momentâneo apenas para poderem ser ‘livres’ de punições, mas como o sabemos depois sempre voltavam às suas práticas; no entanto quando Moisés se dirigia à tenda para falar com Deus, cada um daqueles ficavam na entrada de suas próprias tendas e vendo a ‘maravilha que era a nuvem se por na entrada da tenda do Encontro’ assim temiam e adoravam à Deus.  Naquele momento querendo Moisés uma confirmação pede para ver a glória de Deus, e observemos quão maravilhoso o que Deus lhe diz: “ E Deus respondeu: "Diante de você farei passar toda a minha bondade, e diante de você proclamarei o meu nome: o Senhor. Terei misericórdia de quem eu quiser ter misericórdia, e terei compaixão de quem eu quiser ter compaixão".
E acrescentou: "Você não poderá ver a minha face, porque ninguém poderá ver-me e continuar vivo". E prosseguiu o Senhor: "Há aqui um lugar perto de mim, onde você ficará, em cima de uma rocha. Quando a minha glória passar, eu o colocarei numa fenda da rocha e o cobrirei com a minha mão até que eu tenha acabado de passar. Então tirarei a minha mão e você verá as minhas costas; mas a minha face ninguém poderá ver".Êxodo 33:19-23
- faria com que Moisés sentisse Sua Glória, mas como ninguém podia ver a Deus senão morria, lhe protegeria com a própria mão, e quando já passado Moises poderia  lhe ver  pelas costas!  Atentemos que Moises era homem igualzinho a nós, mas como procurava sempre estar com Deus, ter Deus consigo, estar em comunhão constante com Deus, e assim conseguia o complemento para ficar ‘firme e forte’ em sua missão.

Como sabemos, o povo foi cada vez mais se distanciando de Deus, e mesmo aos profetas que Deus usava para falar-lhes já não davam mais ouvidos, estando completamente envolvidos em maus caminhos, mas Deus nunca desistiu do homem, e veio a fazer a maior prova disto com o envio de Seu Filho Amado Jesus, para resgatar o homem das garras do maligno, e assim totalmente cumprido, tendo Jesus ido até as últimas consequências, pagando o maior preço com sacrifício de Sua própria Vida, para que por seu sangue derramado na cruz viéssemos a ser purificados de nossos pecados para estarmos na Santa Presença de Deus, isto é prova da imensa misericórdia que Deus tem devido ao Seu imensurável amor por nós, e desta forma ressuscitando a Jesus, que vivo o fez nosso Sumo –Sacerdote estando novamente junto à Glória de Deus  a interceder por nós constantemente, nos justificando e  concedendo-nos assim o direito a liberdade de estarmos com Deus a qualquer instante, e,  se o buscarmos e sermos fiel e obedientes tendo-lhe o devido temor como Moisés podemos ‘conversar’ com Deus, receber do complemento que necessitamos para ter uma vida plena, e não mais vivermos de forma ‘enfadada e cansada’ .  A carta escrita aos Hebreus  é justamente uma revelação quanto a toda esta Maravilhosa Graça de Deus para conosco, nos mostra que Moisés entrava na Presença de Deus para interceder pelo povo que deveria ser guiado por ele, mas Deus fez conosco uma mais excelente Aliança Nova e Eterna, pois Jesus esta constantemente junto à Sua própria Glória  a interceder por nós que devemos ser guiados por Ele, e muito mais excelente isto porque Moisés apenas podia guiar o povo de acordo com o mandar de Deus, mas Jesus nos guia já salvando nossa vida, nos guia para já usufruirmos de um viver pleno aqui na terra, sendo Ele o próprio CAMINHO em que devemos estar, e na Sua VERDADE viver para alcançarmos a VIDA eterna junto também à Glória de Deus, mas através dEle podemos já sentir a Glória de Deus como Moisés sentira, pois Jesus vem habitar em nós através do Espirito Santo de Deus, o que nos é tudo que necessitamos para viver plenamente, “Moisés foi fiel como servo em toda a casa de Deus, dando testemunho do que haveria de ser dito no futuro, mas Cristo é fiel como Filho sobre a casa de Deus; e esta casa somos nós, se é que nos apegamos firmemente à confiança e à esperança da qual nos gloriamos.Hebreus 3:5-6- e a parte desta carta  sugerida com o versículo de hoje vem justamente nos falar quanto ao já podermos estar na Santa Presença de Deus desde já aqui na terra, termos a firme certeza de já termos um descanso em Deus para usufruir, “ Visto que nos foi deixada a promessa de entrarmos no descanso de Deus, temamos que algum de vocês pense que tenha falhado.Hebreus 4:1- no entanto temos que estar conscientes que da mesma forma como àquele povo a quem Moisés guiava sofria as consequências de seus pecados, hoje ainda  nos é requerida a observância da VERDADE que Jesus veio nos trazer, e atentemos que nos foi ‘tirado o jugo da lei’ mas temos que ‘buscar constantemente pela parte espiritual’ vivendo como Jesus ensinou, para não virmos a perder o ‘usufruto’ de nossa herança, “ Porque se a mensagem transmitida por anjos provou a sua firmeza, e toda transgressão e desobediência recebeu a devida punição, como escaparemos nós, se negligenciarmos tão grande salvação? Esta salvação, primeiramente anunciada pelo Senhor, foi-nos confirmada pelos que a ouviram.Hebreus 2:2-3-.

Como já dito “ Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dele se aproxima precisa crer que ele existe e que recompensa aqueles que o buscam.Hebreus 11:6e Jesus mesmo nos disse “ …Creiam em Deus; creiam também em mim.João 14:1b-, e impossível é obtermos o desejado ‘descanso em Deus’ ainda vivendo nesta terra se não tivermos a fé que Jesus nos veio ser por Autor e Consumador, e sobre isto foi exortado ao Hebreus , e da mesma forma nos é dito hoje:  

Pois as boas novas foram pregadas também a nós, tanto quanto a eles; mas a mensagem que eles ouviram de nada lhes valeu, pois não foi acompanhada de fé por aqueles que a ouviram.
Pois nós, os que cremos, é que entramos naquele descanso, conforme Deus disse: "Assim jurei na minha ira: Jamais entrarão no meu descanso" — embora as suas obras estivessem concluídas desde a criação do mundo.
Pois em certo lugar ele falou sobre o sétimo dia, nestas palavras: "No sétimo dia Deus descansou de toda obra que realizara".
E de novo, na passagem citada há pouco, diz: "Jamais entrarão no meu descanso".
Entretanto, resta entrarem alguns naquele descanso, e aqueles a quem anteriormente as boas novas foram pregadas não entraram, por causa da desobediência.
Por isso Deus estabelece outra vez um determinado dia, chamando-o "hoje",
ao declarar muito tempo depois, por meio de Davi, de acordo com o que fora dito antes: "Se hoje vocês ouvirem a sua voz, não endureçam o coração".
Porque, se Josué lhes tivesse dado descanso, Deus não teria falado posteriormente a respeito de outro dia.
Assim, ainda resta um descanso sabático para o povo de Deus;
pois todo aquele que entra no descanso de Deus, também descansa das suas obras, como Deus descansou das suas.
Hebreus 4:2-10

  E, de suma importância conhecermos as Escrituras Sagradas, a Bíblia, nela refletirmos e meditarmos, para podermos viver de acordo com a vontade de Deus, e possamos também como Moisés termos um viver agradável aos olhos de Deus, sermos reconhecidos e chamados por nossos próprios nomes por ELE, por estarmos em Sua Presença, “ Pois a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais afiada que qualquer espada de dois gumes; ela penetra ao ponto de dividir alma e espírito, juntas e medulas, e julga os pensamentos e intenções do coração.Hebreus 4:12- e justamente a Palavra de Deus, onde encontra-se Sua VERDADE na qual temos que viver, e esta  é JESUS, assim em Seu Evangelho devemos direcionar nosso viver, e atentemos que nos veio com a ‘parte espiritual’ que deve prevalecer sobre nossa vontade carnal, sobre nosso ‘eu’, pois devemos viver na vontade de Deus e não na nossa própria vontade, e sem dúvida alguma é vivendo de acordo com a vontade dEle que teremos ‘descanso’ nesta vida, e Jesus nos confirmou, basta estarmos sempre indo até  Ele: “ "Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso.Mateus 11:28 – sendo este  ‘seguir’, ‘ir’ até  Jesus é de todo coração, em espirito e em verdade, sendo que Deus sabe todas as coisas, e não existe lugar neste mundo onde podemos nos ‘esconder’ dEle, nem mesmo em pensamento ou intenções no coração, pois se tentarmos o que estaremos fazendo é sim nos distanciar de Seus cuidados e Amor, Deus saberá onde estamos mas não é ‘intruso’  em nossas vidas, aguarda que busquemos sim é nos aproximarmos dEle, buscar por sua Presença, para que possa nos dar do melhor, e,  em nenhum outro lugar encontraremos o ‘verdadeiro descanso em nosso viver’  a não ser com a Santa Presença de Deus, e isto se dá através de Jesus, nosso Mediador com o Pai, e em fé devemos nos apegar a esta VERDADE, para que sejamos ajudados a qualquer tempo em qual necessidade, estarmos no CAMINHO de encontro com Deus, para que vivamos plenamente nesta terra e encontremos VIDA eterna junto à Glória de Deus. E nos revelou JESUS: “ "Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim.João 14:6.

Nada, em toda a criação, está oculto aos olhos de Deus. Tudo está descoberto e exposto diante dos olhos daquele a quem havemos de prestar contas.
Portanto, visto que temos um grande sumo sacerdote que adentrou os céus, Jesus, o Filho de Deus, apeguemos-nos com toda a firmeza à fé que professamos,

pois não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas, mas sim alguém que, como nós, passou por todo tipo de tentação, porém, sem pecado.
Assim sendo, aproximemos-nos do trono da graça com toda a confiança, a fim de recebermos misericórdia e encontrarmos graça que nos ajude no momento da necessidade
.
Hebreus 4:13-16

 

Fica o link dos capítulos de hoje para maiores reflexões e meditações

http://www.bibliaonline.com.br/nvi/ex/33

http://www.bibliaonline.com.br/nvi/hb/4

quinta-feira, 1 de março de 2012

Versículos do dia: verdadeira adoração à DEUS, e doutrina de JESUS, para ‘plenitude de Vida’. Pois tudo o que Deus criou é bom …

 

 

images (45)

Technorati Marcas:

 

 

Dos seus aposentos celestes ele rega os montes; sacia-se a terra com o fruto das tuas obras!Salmos 104:13

Pois tudo o que Deus criou é bom, e nada deve ser rejeitado, se for recebido com ação de graças,1 Timóteo 4:4

 

Deus é Perfeito, tudo quanto criara é completo para seu viver, toda a natureza e o que nela há o reconhece e espera por seu provento, e de tudo quanto criara o homem é sua principal feitura, é no qual colocou a sua semelhança, o seu amor, pelo qual tem cuidados ainda maiores, tanto que deu ao homem o domínio sobre tudo quanto criou, e de tudo para que o homem se deleitasse, mas o homem desobedeceu a Deus, e acabou dEle sendo afastado, e tamanha a distância que ficou entre o homem e  Deus, que foi o homem nas gerações se esquecendo do imensurável amor de seu Deus, deixando de observar o que tinha a seu favor, ficando-lhe um vazio em seu ser, mas Deus a tudo observara, e vendo que o homem assim ‘fragilizado’ estava suscetível cada vez mais a influencia do maligno, que não pode o abandonar, nunca desistiu do homem, e assim como não havia mais como falar ao homem , pois até a seus profetas guiados por Seu próprio Espirito o homem não dava ouvidos, vem e dá a maior prova de Amor ao homem, saindo de Sua Glória nos envia a Jesus, Seu Filho Amado, para pessoalmente falar ao homem, novamente lhe mostrar as Boas Novas da Salvação, para que voltasse a ter uma vida abundante em Sua presença; e  mesmo  tendo Seu Filho, Jesus, cumprido com todo o Seu propósito, entregado sua própria vida pela vida do homem, em prova de um amor imensurável, sendo que seu sangue derramado em sacrifício para resgate da alma do homem das trevas malignas, purificando-o em seus já tão impregnados pecados, para que estivesse, mesmo ainda vivendo em uma passagem nesta terra, a oportunidade de estar novamente na Santa Presença de Deus, que já recebe ao homem como ‘filhos’, lhes devolvendo o que criará para que tivesse novamente uma vida abundante, o homem não o reconhece, e acaba por viver no ‘sofrimento’ que se vê hoje na maioria da humanidade, mesmo entre os que ‘se acham’ possuidores de bens, conhecimentos e status que lhe dá um ‘falso preenchimento’ do ‘vazio’ que passou a possuir por seus pecados, pois em seus íntimos falta-lhe a essência do Criador, ainda mais atenuante isto nos menos favorecidos; e nada pode preencher esta ‘falta de plenitude de vida’ a não ser o próprio Deus, mas não o reconhecendo o homem passa a ‘inventar’ ‘deuses’ em sua imaginação, chegando até a lhes dar formas físicas, afrontando o Criador, e, mesmo que venha a ver os feitos de Deus e querer assim saciar sua vida, devido ao envolvimento que já tem com o pecado, não consegue dar total ouvidos a Palavra de Deus que nos veio a falar Jesus, vendo ainda de forma ‘distorcida’ o que seria para seu desfrute, chegando a repugnar e a si mesmos lhes proibir, e passa também a ‘criar’  doutrinas totalmente divergentes da VERDADE que nos veio ser Jesus, e assim não desfruta dos benefícios que Jesus nos veio trazer com as Boas Novas da Salvação, a plenitude de vida, já nesta terra, como para que perdure eternamente.  Este é um resumo de como veio se desenvolvendo a humanidade distante de seu Criador, e nos versículos de hoje fica bem retratado esta situação, mesmo que escritos a séculos, bem atual, pois  Deus que nunca muda, é desde e principio e o será eternamente o DEUS TODO PODEROSO, e o homem rejeitando o Poderio de Deus, se privando da maravilhosa Graça que nos forneceu!

O salmista quando escrevera o salmo sugerido com o versículo de hoje, reconhecia o Poderio de Deus, o descrevia com a satisfação que sentia em si de poder ter comunhão com Deus, e tão somente por reconhece-lo como Todo Poderoso lhe rendia adoração e louvores verdadeiros, de alma e espírito, em verdade, ou seja desde o seu íntimo quanto ao que podia ver exteriormente, vamos fazer a leitura com meditação, veja quão grande ‘poema verdadeiro’ temos aqui, escrito em adoração pelo salmista:

Bendiga ao Senhor a minha alma! Ó Senhor, meu Deus, tu és tão grandioso! Estás vestido de majestade e esplendor!
Envolto de luz como numa veste, ele estende os céus como uma tenda,
e põe sobre as águas dos céus as vigas dos seus aposentos. Faz das nuvens a sua carruagem e cavalga nas asas do vento.
Faz dos ventos seus mensageiros e dos clarões reluzentes seus servos.
Ele firmou a terra sobre os seus fundamentos para que jamais se abale;
com as torrentes do abismo a cobriste, como se fossem uma veste; as águas subiram acima dos montes.
Diante das tuas ameaças as águas fugiram, puseram-se em fuga ao som do teu trovão;
subiram pelos montes e escorreram pelos vales, para os lugares que tu lhes designaste.
Estabeleceste um limite que não podem ultrapassar; jamais tornarão a cobrir a terra.
Fazes jorrar as nascentes nos vales e correrem as águas entre os montes;
delas bebem todos os animais selvagens, e os jumentos selvagens saciam a sua sede.
As aves do céu fazem ninho junto às águas e entre os galhos põem-se a cantar.
Dos seus aposentos celestes ele rega os montes; sacia-se a terra com o fruto das tuas obras!
É ele que faz crescer o pasto para o gado, e as plantas que o homem cultiva, para da terra tirar o alimento:
o vinho, que alegra o coração do homem; o azeite, que faz brilhar o rosto, e o pão que sustenta o seu vigor.
As árvores do Senhor são bem regadas, os cedros do Líbano que ele plantou;
nelas os pássaros fazem ninho, e nos pinheiros a cegonha tem o seu lar.
Os montes elevados pertencem aos bodes selvagens, e os penhascos são um refúgio para os coelhos.
Ele fez a lua para marcar estações; o sol sabe quando deve se pôr.
Trazes trevas, e cai a noite, quando os animais da floresta vagueiam.
Os leões rugem à procura da presa, buscando de Deus o alimento,
mas ao nascer do sol eles se vão e voltam a deitar-se em suas tocas.
Então o homem sai para o seu trabalho, para o seu labor até o entardecer.
Quantas são as tuas obras, Senhor! Fizeste todas elas com sabedoria! A terra está cheia de seres que criaste.
Eis o mar, imenso e vasto. Nele vivem inúmeras criaturas, seres vivos, pequenos e grandes.
Nele passam os navios, e também o Leviatã, que formaste para com ele brincar.
Todos eles esperam em ti para que lhes dês o alimento no tempo certo;
tu lhes dás, e eles o recolhem, abres a tua mão, e saciam-se de coisas boas.
Quando escondes o rosto, entram em pânico; quando lhes retiras o fôlego, morrem e voltam ao pó.
Quando sopras o teu fôlego, eles são criados, e renovas a face da terra.
Perdure para sempre a glória do Senhor! Alegre-se o Senhor em seus feitos!
Ele olha para a terra, e ela treme, toca os montes, e eles fumegam.
Cantarei ao Senhor toda a minha vida; louvarei ao meu Deus enquanto eu viver.
Seja-lhe agradável a minha meditação, pois no Senhor tenho alegria.
Sejam os pecadores eliminados da terra e deixem de existir os ímpios. Bendiga ao Senhor a minha alma! Aleluia!
Salmos 104:1-35 -
(grifos meus)

E nós hoje, esta geração atual, consegue desta forma adorar à Deus, como lhe é devido?, se observarmos o ‘povo de Deus na atualidade’ tem louvores de formas diversas, se prendem nas promessas de Deus e nelas fazem ‘louvores’  que na verdade não vem a ser adoração, acabam se revertendo ao próprio homem como forma de ‘auto ajuda’, e por não haver mais tais reconhecimentos de um DEUS REALMENTE AMOROSO, COMPASSIVO E TODO PODEROSO, como podemos ver formas de expressões por pessoas de fé na antiguidade, que alcançavam verdadeiramente o favor de Deus, mas mesmo depois de Jesus ter vindo e ter cumprido com o propósito do Pai, o homem permanecia se ‘privando’ das Boas Novas da Salvação anunciadas e consumadas por Jesus! O que podemos constatar devido a exortação que a carta de Paulo a Timóteo, alertando-o quanto a não observância por parte do povo do Evangelho de Jesus, e exortando-o ao ensinamento , e neste capítulo sugerido hoje para reflexão, justamente sobre ‘os ensinamentos’ da VERDADE de Cristo que incentivava Timóteo a perseverar tanto para si como para o povo, e vamos refletir se  hoje não é necessário, ainda mais, ser atentamente observadas estas ‘instruções’ nas quais Paulo era guiado a escrever movido pelo Espirito Santo de Deus, meditemos:

O Espírito diz claramente que nos últimos tempos alguns abandonarão a fé e seguirão espíritos enganadores e doutrinas de demônios.
Tais ensinamentos vêm de homens hipócritas e mentirosos, que têm a consciência cauterizada
e proíbem o casamento e o consumo de alimentos que Deus criou para serem recebidos com ação de graças pelos que crêem e conhecem a verdade.
Pois tudo o que Deus criou é bom, e nada deve ser rejeitado, se for recebido com ação de graças,
pois é santificado pela palavra de Deus e pela oração.
Se você transmitir essas instruções aos irmãos, será um bom ministro de Cristo Jesus, nutrido com as verdades da fé e da boa doutrina que tem seguido.
Rejeite, porém, as fábulas profanas de velhas e exercite-se na piedade.
O exercício físico é de pouco proveito; a piedade, porém, para tudo é proveitosa, porque tem promessa da vida presente e da futura.
Esta é uma afirmação fiel e digna de plena aceitação.
Se trabalhamos e lutamos é porque temos colocado a nossa esperança no Deus vivo, o Salvador de todos os homens, especialmente dos que crêem.
Ordene e ensine estas coisas.
Ninguém o despreze pelo fato de você ser jovem, mas seja um exemplo para os fiéis na palavra, no procedimento, no amor, na fé e na pureza.
Até a minha chegada, dedique-se à leitura pública da Escritura, à exortação e ao ensino.
Não negligencie o dom que lhe foi dado por mensagem profética com imposição de mãos dos presbíteros.
Seja diligente nestas coisas; dedique-se inteiramente a elas, para que todos vejam o seu progresso.
Atente bem para a sua própria vida e para a doutrina, perseverando nesses deveres, pois, fazendo isso, você salvará tanto a si mesmo quanto aos que o ouvem.
1 Timóteo 4:1-16
(grifos meus)

Temos neste pequeno trecho apenas algumas diretrizes, mas muito nos é exortado quanto ‘a doutrina’ que deve ser observada e colocada em prática pelos cristãos, escritas pelos primeiros discípulos movidos inteiramente pelo Espirito Santo de Deus, quais tudo está no Evangelho genuíno que Jesus ensinou, pregou, consumou, e ordenou que fosse ensinado da forma como o ensinou e com o mesmo amor que tinha, mas infelizmente vemos que com o passar do tempo, pelas gerações após Jesus, mesmo que ainda mais Graça nos foi acrescentada com o envio do Espirito Santo para nos ser por Conselheiro, e nos trazer a memória tudo quanto Jesus ministrou e ordenou, e, ainda nos concedendo ‘ajuda’ para que ao meio deste ‘mundo’ estivéssemos assim o cumprindo, não está assim ocorrendo, o que podemos ver na humanidade é o que está ali nos dois primeiros versículos desta carta, e justamente isto que tem impedido o homem de ter ‘a plenitude de vida’ que Jesus nos veio conceder desde já nesta vida terrena, e como podemos ver grandes são as multidões que estão ‘nos caminhos largos e enganosos’ que fornecem uma falsa alegria e paz mas que deixa o homem com o mesmo vazio pela falta de comunhão com Deus. Dura e infeliz realidade, pois não era este o ‘sonho de Deus’ em realizar tal feito pela Sua maravilhosa Graça, e tem sido tão compassivo, que estamos ainda aqui, tempo nos concedido para nos voltarmos verdadeiramente ao nosso Deus, e seguir o CAMINHO que nos enviou de volta à Ele, com a VERDADE que nos veio trazer definitivamente as  BOAS NOVAS DA SALVAÇÃO , a qual temos que conhecer ‘a fundo’ e pratica-la para que tomemos posse da VIDA plena e abundante que Deus nos quer conceder através de JESUS!  

 

Temos que ter por hábito de vida a leitura das Escrituras Sagradas, a Bíblia,  com reflexão e meditação pois nos foram escritas justamente para que saibamos como ter uma Vida abundante na Presença de Deus!.

 

Hoje já deixei na íntegra os capítulos sugeridos com os versículos do dia, que possamos neles refletir e meditar, voltarmos à adoração em espirito e em verdade de coração à Deus, e nos apegarmos à doutrina que Jesus nos ensinou e não a de homens que pregam sem conhecer os ensinamentos de Jesus, não tendo portanto a presença constante do Espirito Santo, não podendo nos trazer vida abundante  nesta terra muito menos Salvação para a eternidade.

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Versículos do dia: aflições? …não fé em JESUS!

 

images (43)

Technorati Marcas:

 

Escreva-se isto para as futuras gerações, e um povo que ainda será criado louvará o Senhor, proclamando:Salmos 102:18

Não os deixarei órfãos; voltarei para vocês.João 14:18

 

 

Que dias mais corridos temos na atualidade, são tantas ‘ofertas’ havendo assim terríveis  ‘concorrências’, mesmo que não o queiram, até os menos favorecidos acabam se envolvendo nestas, e inúmeras se tornam  as ‘tarefas’ diárias, são exigências da sociedade, tornando o ‘tempo’ do homem cada vez mas em ‘enfado’ , sendo que a ‘doença’ deste século é mais pela ‘área mental, emocional’ do que pela propriamente orgânica, mas que acabam tornando-se uma realidade física. Muitas são as preocupações do homem que se diz ‘moderno’, inúmeras necessidades de busca por segurança, estabilidade, em seus ‘empregos’, ‘negócios’, e no próprio viver cotidiano, o que afeta as próprias crianças que cada vez mais acabam tendo ‘menos tempo de infância’ por já viver envolvidas em tais ‘modernidades’, sem contar com os idosos que mesmo já tendo efetuado a maior parte de sua ‘missão de vida’ , onde poderiam ter mais tempo para completa-la sem tantas ocupações, acabam sendo acarretados de ‘tarefas’  e ‘preocupações’  extras o que ainda mais os tornam ‘cansados da vida’ . mas muitos que sequer chegaram a tempos de ‘velhice’ já estão desta forma se sentindo. Verdadeiras aflições no viver do homem, que se esquece de que não fora criado para passa-las,  que nada disto é necessário, que o ‘tempo neste corpo’  é determinado, vai se acabar, não vai permanecer,  da mesma forma quanto a ‘tudo quanto aqui viveu’, e nada do que aqui pode possuir quer em ‘bens’, ‘status’, ‘graduações em ensinos’, ou mesmo o que acreditam  ser ‘deleites’ será levado após esta tão breve passagem aqui pela terra;  e,  mesmo entre os que já possuem este entendimento, ainda há tais  aflições, pois é aqui nesta situação atual em que vivemos. No entanto se quisermos podemos ter um ‘escape’ para todos os tipos de situações de aflições, tão somente nos voltarmos ao Criador de nossas vidas, que não as criou para apenas esta passagem aqui pela terra, nem mesmo para que aqui vivamos aflitos, e esta já uma forma que há muitos e muitos séculos o Criador está querendo que o homem se direcione, volte a ter a vida que ele projetou para este, qual seja uma vida plena, segura, estável e feliz, e,  por diversas vezes o tentou, mas o homem em seu próprio entendimento se achando ‘auto-suficiente’ não quis dar ouvidos, e as aflições sempre foram lançadas ao homem pelo maior inimigo que este pode ter, satanás,  o qual somente tem por objetivo justamente tirar o direito de vida plena e feliz que o Criador lhe deu, e sua maior arma, a qual inventara é a mentira, com a qual vem a influenciar o homem a por si mesmo se afastar de Seu Criador, o Deus que bem ele conhece, e sabe que é Todo Poderoso, que se cuja presença estiver o homem,  ele fica incapacitado de agir com suas armas malignas, assim quer o homem bem distante de Deus para poder assim vir a domina-lo um dia.  Mas muitos são os homens  que de tão enganados não conseguem sequer saber da existência de um Deus Tão Poderoso, e outros que mesmo sabendo da existência e crendo neste Deus que os criou não o conhecem ao ponto de nEle encontrar ‘o escape’ para todas estas aflições. E Deus de tanto amor que tem pelo homem, constatando que este não conseguiria mais pegar o caminho de volta à Sua Santa Presença, envia a esta terra Seu próprio Filho, saído de Sua própria Glória para resgatar a vida do homem do engano das trevas malignas, e assim o cumpriu, ouviu o clamor dos povos antigos aprisionados, e o fez, e mesmo antes de faze-lo já anunciará por seus profetas que o faria, veja quão aflito estava o salmista ao começar escrever o Salmo sugerido com o versículo de hoje para reflexão, 

Ouve a minha oração, Senhor! Chegue a ti o meu grito de socorro!
Não escondas de mim o teu rosto, quando estou atribulado. Inclina para mim os teus ouvidos; quando eu clamar, responde-me depressa!
Esvaem-se os meus dias como fumaça; meus ossos queimam como brasas vivas.
Como a relva ressequida está o meu coração; esqueço até de comer!
De tanto gemer estou reduzido a pele e osso.
Sou como a coruja do deserto, como uma coruja entre as ruínas.
Não consigo dormir; tornei-me como um pássaro solitário no telhado.
Os meus inimigos zombam de mim o tempo todo; os que me insultam usam o meu nome para lançar maldições.
Cinzas são a minha comida, e com lágrimas misturo o que bebo,
Salmos 102:1-9

Mas observemos bem que mesmo ao meio de tanta aflições o salmista ainda sabia da existência de Deus, e por este clamava, e em seu clamor era totalmente sincero a Deus, expunha todos os seus sentimentos, e vinha a reconhecer que havia sido expulso da presença de Deus por causa de sua própria desobediência como homem e que por este motivo tinha os dias já contados nesta terra : “por causa da tua indignação e da tua ira, pois me rejeitaste e me expulsaste para longe de ti. Meus dias são como sombras crescentes; sou como a relva que vai murchando.Salmos 102:10-11- mas sabia ser Deus eterno, e que deveria ser assim lembrado pelas gerações, e também se lembrava de que Deus era amoroso, e assim confiava que já em seu clamor acredita e nasce a esperança da compaixão de Deus pelo povo todo que estava na mesma situação que a dele, e ainda´, já movido pelo Espirito de Deus revela em suas palavras que  as demais nações temeriam o nome de Deus e já totalmente esperançoso e confiante afirma que Deus reconstruiria as ruinas daquele povo e assim seria aclamado até pelos reis da terra, sendo para ele já  certo de que Deus ouve e assim responderia as orações dos aflitos, e vai continuando, reconhecendo ao Deus Criador,  Poderoso, Eterno, que deveria ficar registrado seu clamor para que viessem as gerações futuras glorificar a este Deus que recolhia , e já revelava a salvação de Deus para suas descendências, mesmo sendo os dias na terra contados, a vida continuaria na presença deste Deus amoroso desde a criação e que assim permanecia e que o continuaria para sempre, onde o homem teria plenitude de vida: “

Tu, porém, Senhor, no trono reinarás para sempre; o teu nome será lembrado de geração em geração.
Tu te levantarás e terás misericórdia de Sião, pois é hora de lhe mostrares compaixão; o tempo certo é chegado.
Pois as suas pedras são amadas pelos teus servos, as suas ruínas os enchem de compaixão.
Então as nações temerão o nome do Senhor, e todos os reis da terra a sua glória.
Porque o Senhor reconstruirá Sião e se manifestará na glória que ele tem.
Responderá à oração dos desamparados; as suas súplicas não desprezará.
Escreva-se isto para as futuras gerações, e um povo que ainda será criado louvará o Senhor, proclamando:
"Do seu santuário nas alturas o Senhor olhou; dos céus observou a terra,
para ouvir os gemidos dos prisioneiros e libertar os condenados à morte".
Assim o nome do Senhor será anunciado em Sião e o seu louvor, em Jerusalém,
quando os povos e os reinos se reunirem para adorar ao Senhor.
No meio da minha vida ele me abateu com sua força; abreviou os meus dias.
Então pedi: "Ó meu Deus, não me leves no meio dos meus dias. Os teus dias duram por todas as gerações!
No princípio firmaste os fundamentos da terra, e os céus são obras das tuas mãos.
Eles perecerão, mas tu permanecerás; envelhecerão como vestimentas. Como roupas tu os trocarás e serão jogados fora.
Mas tu permaneces o mesmo, e os teus dias jamais terão fim.
Os filhos dos teus servos terão uma habitação; os seus descendentes serão estabelecidos na tua presença".
Salmos 102:12-29

Pois bem, depois daquele tempo em que escrito este Salmo, Deus cumpriu  sua promessa, enviou a Jesus, o qual foi totalmente fiel ao propósito do Pai. E nós estamos reconhecendo, confiantes e esperançosos como o salmista? estamos a este feito de Deus louvando e proclamando como já fazia o salmista mesmo antes de tudo acontecer? e ainda mais teríamos a adorar, louvar, proclamar, pois Jesus  muito envolvido em tamanha compaixão pelo homem, ainda nos trouxe promessas mui excelentes para esta vida ainda terrena, além da que vinha anunciar qual seja a Vida Eterna junto ao Criador, sendo que Ele próprio é o CAMINHO de volta para o homem ao Seu Criador, e de tudo reafirma ao homem, pedindo tão somente a fé para que assim como cressem em Deus cressem também nEle, afirma que o homem não deve deixar seu coração perturbado nesta terra, porque Ele mesmo voltará para nos levar deste Caminho para a entrada da morada eterna totalmente abundante, que estava ali para cumprir com o propósito do Pai, portanto realizava obras tão maravilhosas, para confirmar que era a VERDADE de Deus, e mesmo sendo contestado por seus próprio discípulos, continuava a lhes ser firme no que lhes falava, 

"Não se perturbe o coração de vocês. Creiam em Deus; creiam também em mim.
Na casa de meu Pai há muitos aposentos; se não fosse assim, eu lhes teria dito. Vou preparar-lhes lugar.
E se eu for e lhes preparar lugar, voltarei e os levarei para mim, para que vocês estejam onde eu estiver.
Vocês conhecem o caminho para onde vou".
Disse-lhe Tomé: "Senhor, não sabemos para onde vais; como então podemos saber o caminho? "
Respondeu Jesus: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim.
Se vocês realmente me conhecessem, conheceriam também o meu Pai. Já agora vocês o conhecem e o têm visto".
Disse Filipe: "Senhor, mostra-nos o Pai, e isso nos basta".
Jesus respondeu: "Você não me conhece, Filipe, mesmo depois de eu ter estado com vocês durante tanto tempo? Quem me vê, vê o Pai. Como você pode dizer: ‘Mostra-nos o Pai’?
Você não crê que eu estou no Pai e que o Pai está em mim? As palavras que eu lhes digo não são apenas minhas. Pelo contrário, o Pai, que vive em mim, está realizando a sua obra.
Creiam em mim quando digo que estou no Pai e que o Pai está em mim; ou pelo menos creiam por causa das mesmas obras
. – João 14: 1-11


E, ainda nos faz mais promessas para esta vida terrena, que o mesmo poder que tinha para vencer o maligno, em Seu Nome também poderíamos realizar para que o Pai fosse glorificado, e isto em cumprimento do que o Espirito já o havia revelado ao salmista quando disse  que gerações futuras deveriam louvar a Deus e proclamar Seu Nome : "Do seu santuário nas alturas o Senhor olhou; dos céus observou a terra, para ouvir os gemidos dos prisioneiros e libertar os condenados à morte", vamos refletir, Deus já o fez, já cumpriu, Jesus ainda nos acresceu o mesmo ‘poder’ para que enquanto aqui ainda vivêssemos fossemos capazes de permanecer realizando obras maravilhosas para que nossos corações não fiquem perturbados: “ Digo-lhes a verdade: Aquele que crê em mim fará também as obras que tenho realizado. Fará coisas ainda maiores do que estas, porque eu estou indo para o Pai. E eu farei o que vocês pedirem em meu nome, para que o Pai seja glorificado no Filho. O que vocês pedirem em meu nome, eu farei". João 14:13-14- e ainda estamos  vivendo em ‘aflições’ por causa dos ‘ataques malignos’ , mesmo Jesus já nos tendo concedido poder para deles ficarmos livres, ou se por causa de ‘fraquezas’ nossas viemos  a ser atingidos por estar aqui ainda suscetíveis a isto, que não nos perturbasse o coração que não nos ficariam como aflições além do suportável apenas pela fé e esperança de que aqui será passageiro, que Ele voltará e nos tirará para uma ‘morada excelente’ , então o que anda acontecendo? uma coisa é certa Jesus não mente, cumpre com o prometido, e onde está a ‘falha’ para que não se realize em nossas vidas? o próprio Jesus nos vem dar a resposta:

"Se vocês me amam, obedecerão aos meus mandamentos.
E eu pedirei ao Pai, e ele lhes dará outro Conselheiro para estar com vocês para sempre,
o Espírito da verdade. O mundo não pode recebê-lo, porque não o vê nem o conhece. Mas vocês o conhecem, pois ele vive com vocês e estará em vocês.
Não os deixarei órfãos; voltarei para vocês.
Dentro de pouco tempo o mundo já não me verá mais; vocês, porém, me verão. Porque eu vivo, vocês também viverão.
Naquele dia compreenderão que estou em meu Pai, vocês em mim, e eu em vocês.
Quem tem os meus mandamentos e lhes obedece, esse é o que me ama. Aquele que me ama será amado por meu Pai, e eu também o amarei e me revelarei a ele".
João 14:15-21

Observemos bem:  ‘o segredo’ é amar a Jesus e assim obedecer seus mandamentos, desta forma crer no Espirito Santo de Deus vivendo conosco, e este  comprova  a Jesus Vivo conosco, que podemos estar com Jesus na Santa Presença de Deus a qualquer instante, mas atentemos bem temos que ter os mandamentos de Jesus e os obedecer, só assim provamos que o amamos de verdade, que cremos que Ele nos amou primeiro por isso buscamos conhecer seus mandamentos e os obedecemos, e seremos amados de Deus, ao ponto de não sermos mais as suas criaturas mas sim ‘seus filhos’ , basta buscarmos nos evangelhos e isto nos será revelado, “ Contudo, aos que o receberam, aos que creram em seu nome, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus, os quais não nasceram por descendência natural, nem pela vontade da carne nem pela vontade de algum homem, mas nasceram de Deus. -João 1:12-13- , e assim o próprio Jesus se revelará a nós!  E para que ninguém venha a ser ‘enganado e pensar’ que isto somente era dito àqueles discípulos que estavam com Ele, baste observar mais atentamente que não diz vocês tem meus mandamentos, mas sim ‘quem tem os meus mandamentos’ e os obedecer, e ainda lembrando quando disse: “Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28:19-20- resta duvidas ainda que somos também discípulos de Jesus? pois lembremos ainda quando orava por àqueles disse: “"Minha oração não é apenas por eles. Rogo também por aqueles que crerão em mim, por meio da mensagem deles, João 17:20-  olha quanto amor Jesus já nos tinha antes que existíssemos, pois disse ‘por aqueles que crerão em mim’ ( veja esta oração na íntegra, maravilhoso é o que Jesus já pede ao Pai por nós http://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/17), outra parte ‘do segredo’ sermos discípulos de Jesus! dando ouvidos à seus ensinamentos e assim o obedecendo ! e atentemos bem como é maravilhoso ser discípulo de Jesus, Deus Pai e Deus Filho através do  Espirito Santo de Deus  virão a nós e farão morada em nós!! isto enquanto ainda estamos vivendo nesta terra para depois irmos morar eternamente junto dEle!! e ainda para que assim não nos esqueçamos deste tão imensurável Amor e Poder de Deus a nosso favor, o Espirito Santo nos fará lembrar de tudo a todo instante que quisermos!!

Disse então Judas ( não o Iscariotes ): "Senhor, mas por que te revelarás a nós e não ao mundo? "
Respondeu Jesus:
"Se alguém me ama, guardará a minha palavra. Meu Pai o amará, nós viremos a ele e faremos nele morada.
Aquele que não me ama não guarda as minhas palavras. Estas palavras que vocês estão ouvindo não são minhas; são de meu Pai que me enviou.
"Tudo isso lhes tenho dito enquanto ainda estou com vocês.
Mas o Conselheiro, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, lhes ensinará todas as coisas e lhes fará lembrar tudo o que eu lhes disse.
João 14:22-26

Se meditarmos corretamente nas Palavras de Deus, e as cumprirmos, não viveremos em ‘aflições’ , mas sim já desfrutaremos de uma vida feliz, mesmo que ainda vivendo aqui em meio a ‘tribulações terrenas’, e para tanto Jesus ainda nos faz promessa maravilhosa quanto a isto, “ Deixo-lhes a paz; a minha paz lhes dou. Não a dou como o mundo a dá. Não se perturbem os seus corações, nem tenham medo.- João 14:27- veja uma paz diferente da que há no mundo, aquela que achamos que estamos em paz somente quando tudo nos vai bem, quando nosso ‘eu’ esta satisfeito com seus desejos, no entanto quando vem o momento seguinte ‘aos deleites’ e chegam as ‘aflições’ destes tempos lá se vai esta falsa paz, mas a que Jesus nos concede é diferente é paz verdadeira, uma que flui em nosso interior independentemente das circunstâncias exteriores, a que nos confirma Sua Santa Presença conosco, que nos dá a tão sonhada felicidade, que nos mantem seguros e estabilizados ainda aqui nesta terra, e TUDO ISTO JÁ  NOS FORA FEITO, DEUS JÁ ENVIOU A JESUS QUE FOI TOTALMENTE FIEL AO SEU PROPÓSITO, ENTREGANDO SUA PRÓPRIA VIDA POR NÓS, MAS TENDO SIDO RESSUSCITADO HOJE VIVE E FAZ MORADA EM NÓS!

"Vocês me ouviram dizer: Vou, mas volto para vocês. Se vocês me amassem, ficariam contentes porque vou para o Pai, pois o Pai é maior do que eu.
Isso eu lhes disse agora, antes que aconteça, para que, quando acontecer, vocês creiam.
Já não lhes falarei muito, pois o príncipe deste mundo está vindo. Ele não tem nenhum direito sobre mim.
Todavia para que o mundo saiba que amo o Pai e que faço o que meu Pai me ordenou. Levantem-se, vamo-nos daqui! "
João 14:28-31

Sim, JESUS foi até as últimas consequências para que não vivêssemos em aflições, para que nossos corações não ficassem perturbados, para que não tivéssemos medo de nada e de ninguém, para que tivéssemos total esperança nas BOAS NOVAS DA SALVAÇÃO , para que assim vivêssemos em paz e alegria, já tudo realizado, basta seguirmos o CAMINHO conhecer sua VERDADE viver de acordo com ela e tomarmos posse de uma VIDA plena e eterna!  Se ainda nos falta algo disto é porque nós não estamos indo da forma como Jesus fora! Vamos meditar muito …

 

E para que meditemos profundamente sobre como termos uma Plenitude de Vida, necessário nos é criarmos o habito de ler diariamente as Escrituras Sagradas, a Bíblia, cuja Palavra é Viva e Eficaz, a cada dia nos trás revelações diferentes e magnificas para que vivamos plenamente. Aliás quanto a este capítulo do Evangelho de Jesus, segundo João, já pudemos nele refletir  com relação ‘a promessa’ de Deus e ‘suas benção’, se não fez referidas reflexões, pode ver algumas anotações para estas nos Versículos Diário do dia 09/02 p.p. (http://wwwcompartilhar.blogspot.com/2012/02/versiculos-do-dia-peticoes-atendidas-e.html) e ainda refletimos sobre a fé firmada em Jesus: http://wwwcompartilhar.blogspot.com/2012/02/versiculos-do-dia-jesus-e-o-caminho.html, entre outras reflexões.

 

Assim fica o link dos capítulos sugeridos hoje para maiores reflexões e meditações

http://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/14

http://www.bibliaonline.com.br/nvi/sl/102

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Versículos do dia: O sábado foi feito por causa do homem…

 

 

images (40)

Technorati Marcas:

 

Abençoou Deus o sétimo dia e o santificou, porque nele descansou de toda a obra que realizara na criação.Gênesis 2:3

E então lhes disse: "O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado.Marcos 2:27

 

Quão maravilhosa é  a palavra de Deus para nós, realmente como ela própria se revela é viva e eficaz,  sim nela encontramos firmeza em nossa esperança pela fé em Jesus, único dela que esta Vivo e que é Eficaz para nos salvar a vida, nos conceder uma Vida plena e abundante por toda a eternidade. Quanto aos dois versículos de hoje, Jesus, o qual é A Palavra de Deus, a VERDADE de Deus, vem nos revelar que o sábado o dia que Deus santificou e nele descansou,  que não havia criado o homem por causa deste mas sim que fora feito por causa do homem! Quanto cuidado de Deus para conosco, pois o sabia, que seria necessário ao homem um dia de descanso, que depois aliás o colocou entre seus mandamentos, desde que o homem nele descansaria que o fosse guardado com dedicação à Deus, pelos seus cuidados; e Jesus naquele momento não está se importando nem repreendendo seus discípulos por estarem fazendo ‘uma pequena colheita de milho’, mas até faz com que   os fariseus se lembrem das escrituras sobre Davi, o qual comera e dera de comer aos seus, do pão da Presença, o qual somente os sacerdotes comiam, e bem sabemos o porque faz esta colocação juntamente com o dia de sábado, pois depois vem a revelar que Ele próprio é o Pão da Vida, recapitulemos alguns versículos desta esta passagem, para entendermos : “ Declarou-lhes Jesus: "Digo-lhes a verdade: Não foi Moisés quem lhes deu pão do céu, mas é meu Pai quem lhes dá o verdadeiro pão do céu. Pois o pão de Deus é aquele que desceu do céu e dá vida ao mundo". Disseram eles: "Senhor, dá-nos sempre desse pão! " Então Jesus declarou: "Eu sou o pão da vida. Aquele que vem a mim nunca terá fome; aquele que crê em mim nunca terá sede.” …Porque a vontade de meu Pai é que todo o que olhar para o Filho e nele crer tenha a vida eterna, e eu o ressuscitarei no último dia"…Está escrito nos Profetas: ‘Todos serão ensinados por Deus’. Todos os que ouvem o Pai e dele aprendem vêm a mim.  Ninguém viu o Pai, a não ser aquele que vem de Deus; somente ele viu ao Pai. Asseguro-lhes que aquele que crê tem a vida eterna. Eu sou o pão da vida.Os seus antepassados comeram o maná no deserto, mas morreram. Todavia, aqui está o pão que desce do céu, para que não morra quem dele comer. Eu sou o pão vivo que desceu do céu. Se alguém comer deste pão, viverá para sempre. Este pão é a minha carne, que eu darei pela vida do mundo"….Pois a minha carne é verdadeira comida e o meu sangue é verdadeira bebida.Todo o que come a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele.Da mesma forma como o Pai que vive me enviou e eu vivo por causa do Pai, assim aquele que se alimenta de mim viverá por minha causa.Este é o pão que desceu do céu. Os antepassados de vocês comeram o maná e morreram, mas aquele que se alimenta deste pão viverá para sempre".Ele disse isso quando ensinava na sinagoga de Cafarnaum….(João 6: 32-35, 40, 45-51, 55-59), pode parecer diverso de nosso assunto hoje, mas como neste capítulo de hoje vemos uma repreensão dos fariseus à Jesus, com relação ao sábado, e como resposta ele citou o pão que Davi comera, estes versículos que relembro fala justamente sobre o Pão da Vida, que é Jesus, e veja que naquele momento também os ensinava em um sábado, pois era o dia em que se ensinava nas sinagogas, menciona que não fora Moisés que dera ‘o pão do céu’ , dizendo que o ‘pão que descerá do céu dado por Deus era Ele próprio’ , lembrando ainda que os mandamentos e a lei que Deus ordenou fora dado ao povo por Moisés, ao que  Ele diz que a vontade do Pai é que todo que olhar para Ele e crer é que terá a vida eterna, e será por Ele ressuscitado, que todos seriam ensinados por Deus como já o dissera pelos profetas, e assim Ele é quem ensinava e que vindo de Deus, que se alimentando dEle viverá por causa dEle somente, e novamente repete que os antepassados comeram do maná e morreram, e que iriam a Ele os que o Pai enviasse e não por si próprios ou por suas obediências, pois a lei tinham que cumprir com feitos como humanos tão somente, que se alimentavam para terem vida carnal, mas a relação do Pão da Presença é o ‘alimento espiritual’ que vinha nos trazer para que nossa vida seja plena e eterna, pois se houvesse a ‘plenitude de vida’ no cumprimento da ‘lei’ e ‘mandamentos’  e se justamente  assim fosse não teria sido necessário que tivesse vindo, e continua dizendo pois “Ao ouvirem isso, muitos dos seus discípulos disseram: "Dura é essa palavra. Quem consegue ouvi-la? "Sabendo em seu íntimo que os seus discípulos estavam se queixando do que ouviram, Jesus lhes disse: "Isso os escandaliza? Que acontecerá se vocês virem o Filho do homem subir para onde estava antes! O Espírito dá vida; a carne não produz nada que se aproveite. As palavras que eu lhes disse são espírito e vida. Contudo, há alguns de vocês que não crêem". Pois Jesus sabia desde o princípio quais deles não criam e quem o iria trair. E prosseguiu: "É por isso que eu lhes disse que ninguém pode vir a mim, a não ser que isto lhe seja dado pelo Pai". Daquela hora em diante, muitos dos seus discípulos voltaram atrás e deixaram de segui-lo. Jesus perguntou aos Doze: "Vocês também não querem ir? " Simão Pedro lhe  respondeu: "Senhor, para quem iremos? Tu tens as palavras de vida eterna. Nós cremos e sabemos que és o Santo de Deus". João 6:60-69, pois é ‘dura’ ainda é esta palavra para muitos hoje, mas observemos Ele diz que a carne não produz nada que se aproveita, mas o Espirito que dá a vida, e que as palavras que dizia eram espirito e vida, sim justamente a ‘parte espiritual que Jesus nos veio ensinar’, e tudo registrado em Seu Evangelho, e por Ele é que teremos Vida, e como ali muitos não criam e se voltaram dEle,  e se em seu Evangelho é bem claro e nítido que somente Ele é intermediário para entrarmos nos ‘Santo dos Santos’, na Presença de Deus, pois depois de sua ressureição foi feito nosso único Sumo Sacerdote, não mais somente aqueles designados sacerdotes antes que podiam comer do pão da Presença, (o qual Davi comeu sem o ser…), mas sim Ele é este Pão da Presença, pelo qual podemos estar na Presença Santa de Deus, e isto bem o sabemos que a qualquer momento temos esta ‘liberdade’ , pois por seu Sangue derramado em sacrifício na cruz que nos purifica para isto e mais nada, nesta reflexão nos foi esclarecido a relação na citação que fez de Davi em relação ao sábado? e, vejamos  ainda o que nos diz em seguida encerrando o capítulo de hoje pra reflexão: “ Assim, pois, o Filho do homem é Senhor até mesmo do sábado".Marcos 2:28- veja que não diz ser Senhor do sábado mas sim até mesmo do sábado, porque como vimos antes Ele revelou que o sábado foi feito por causa do homem, assim Ele, Jesus é Senhor de ‘todos os nossos dias’, e, em todos nossos dias temos que estarmos no cumprimento de Seu Evangelho, não que tenha isentado o homem de que ‘no dia que tiver de descanso aqui na terra’ , independente de qual o seja, que neste venha a dedicar então seu tempo somente  à Deus.

Quão maravilhoso são estes primeiros capítulos de gênesis, a criação da terra e tudo quanto nela há, a forma ‘carinhosa’ com que Deus no criou e formou o homem, e neste 2º nos relata o quão maravilhoso é Seu cuidado para com o homem, o colocou no Jardim do Éden totalmente irrigado por rios, onde encontrava-se todas os frutos comestíveis para sustento do homem, no qual tinha contato constante com este, ao qual deu o domínio de tudo quanto criará, e até concedeu o direito de que o homem lhes desse os nomes, veja quão confiança Deus depositava  no homem que criara, mas como nos é sabido a única coisa na qual o homem tinha que obedecer, e esta também por amor de Deus e não por domínio, mas justamente para que o homem não viesse a se sentir dominado,  ganhará o que chamamos  de  ‘livre arbítrio’, ou seja o direito de escolha, e uma somente era o que tinha que assim obedecer ao Criador, e pela ‘fraqueza’ se deixou ser  enganado e fizera a escolha errada, do que Deus sendo tão verdadeiro já havia predito o que lhe aconteceria, assim o próprio homem escolhera se afastar do Criador, e já o sabemos que Deus Maravilhoso que temos, que nunca desistiu do homem, e depois viera através dos profetas novamente ‘falar com o homem’ e assim já estando homem contaminado por demasia pelo pecado, foi necessário a outras formas de ‘lei’ e ‘mandamentos’ a serem obedecidos para o homem se voltar a Deus, mesmo assim o homem não conseguiu os cumprir, se afastando cada vez mais do Criador, e  Deus se mostra ainda mais Maravilhoso e Amoroso, que mesmo assim, envia de si mesmo Seu filho Amado Jesus para ser sacrificado para ‘resgate do homem’ , e em Seu Evangelho que nos trouxe a  Palavra de Deus aperfeiçoada já com a parte espiritual, veio tirar o ‘jugo da lei’ de sobre o homem, pois por esta ninguém conseguiria ser salvo e se voltar a Deus, não que veio isentar o homem de cumprir com os ‘mandamentos de Deus’ mas neles acresceu a parte espiritual, por isso insisto em que devemos refletir e meditar muito neste Evangelho genuíno de Jesus, pois ali esta a VERDADE de Deus o CAMINHO de volta para o homem ter a Santa Presença de Deus em sua vida, e já a viver plenamente para que possa então vir a ter uma VIDA eterna junto ao Criador em todo ‘seu carinho’ e cuidados’  da mesma forma como na criação.

Somente neste pequeno trecho, sugerido hoje para reflexão, do Evangelho de Jesus, vemos as maravilhas de Deus através de Jesus, e fica muito bem revelado nestes dizeres: “ Vendo a fé que eles tinham, Jesus disse ao paralítico: "Filho, os seus pecados estão perdoados". -Marcos 2:5- que o ‘perdão de pecados se dá tão somente pela fé nEle’, e como nos corações isto era contestados pelos presentes, pois ‘tudo é de conhecimento de Deus’,  Ele acrescenta, atentemos bem: Mas, para que vocês saibam que o Filho do homem tem na terra autoridade para perdoar pecados — disse ao paralítico —eu lhe digo: Levante-se, pegue a sua maca e vá para casa".Ele se levantou, pegou a maca e saiu à vista de todos. Estes ficaram atônitos e glorificaram a Deus, dizendo: "Nunca vimos nada igual! "Marcos 2:10-12- meditemos …e que não venhamos nós querermos contestar a VERDADE de Deus…, mas que possamos como a Levi a nada contestar e de imediato obedecer à Jesus (vers..14)  e já fomos chamados por Jesus em diversas vezes em Seu ministério como homem, e ainda diz: “ e quem não toma a sua cruz e não me segue, não é digno de mim.Mateus 10:38- reflitamos bem para sermos dignos de Jesus, para recebermos a Salvação para vida eterna junto a Deus, temos que seguir ao que nos ensinou, e continua valendo os seus dizeres para nós ainda hoje, pois Jesus é o mesmo não muda em nada Sua VERDADE, e o mesmo que disse por revelação em  Espirito: “Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei e cearei com ele, e ele comigo.Apocalipse 3:20- continua nos dizendo hoje a cada um individualmente, e veja quão maravilhoso é esta revelação, ‘cear com Jesus’ , quem é que convidamos para ‘cear’ conosco senão alguém íntimo? pois bem Jesus nos quer ser um ‘amigo íntimo’, mas para isto veja o que diz que temos que ouvir Sua voz, e abrir a porta para Ele,  Jesus não é intruso, aguarda abrirmos a porta para Ele, e este ‘abrir de porta’ após ouvir a Sua voz, justamente é o obedecer sua Palavra da Verdade,  e voltando em nosso capítulo de hoje, vejamos quem é que Ele ‘chama’, quem é que ‘precisa dEle’ : “Ouvindo isso, Jesus lhes disse: "Não são os que têm saúde que precisam de médico, mas sim os doentes. Eu não vim para chamar justos, mas pecadores".-Marcos 2:17-, é não veio chamar a justos, pois se houvessem justos, não precisaria ter vindo, e ainda para dar a vida por nós ‘pecadores, desobedientes aos mandamentos de Deus’ , que meditemos nisto…. E ainda, em tudo era contestado, e aqui o contestavam também quanto a seus discípulos não jejuarem conforme a ‘lei deles’ , sendo que até os de João jejuavam, mas Jesus explica, ensina: “ Jesus respondeu: "Como podem os convidados do noivo jejuar enquanto este está com eles? Não podem, enquanto o têm consigo. Mas virão dias quando o noivo lhes será tirado; e nesse tempo jejuarão."Ninguém põe remendo de pano novo em roupa velha, pois o remendo forçará a roupa, tornando pior o rasgo.E ninguém põe vinho novo em vasilhas de couro velhas; se o fizer, o vinho rebentará as vasilhas, e tanto o vinho quanto as vasilhas se estragarão. Pelo contrário, põe-se vinho novo em vasilhas de couro novas".Marcos 2:18-22-, aqui novamente faz a comparação dEle como noivo, e ainda estava com eles em vida humana, e estes ainda não estavam entendo suas Palavras de Boas Novas de Salvação, não tinha ainda consumado seu sacrifício na cruz, não houvera ainda ressuscitado para testemunho, o homem ainda não havia recebido ‘do novo das Boas Novas da Salvação’ , encontrava-se ainda ‘no velho’, assim de nada adiantaria ‘jejuns’ ou outros feitos, o que viria sim seria o ‘novo’, a ‘novidade de Vida ao homem’, que assim a aceitando estaria se tornando ‘um novo homem’ e recebendo deste ‘novo’ , a parte ‘espiritual’ , receberia ainda do Espirito Santo de Deus, assim se completariam a posse para a VIDA que nos veio oferecer, e agora sim ‘em novidade de vida’ com ‘o espiritual comandando’ que poderá surtir efeito algum ‘jejum feito pelo homem’ , o qual não trará salvação, pois esta foi Ele que trouxe, e somente Ele nos pode dar, mas o ‘jejum’ pode ser para afastar o homem do que o distancia do CAMINHO da VERDADE. vamos refletir muito nisto, estarmos sempre neste Caminho com a Verdade de Deus que nos veio Jesus aperfeiçoar, para que alcancemos a VIDA eterna junto a Deus em Sua Glória  e para Sua Glória!

 

Deixo o link dos capítulos sugeridos com os versículos do dia de  hoje, pois muitas outras ‘revelações’ nos trás em reflexão e meditação.

http://www.bibliaonline.com.br/nvi/gn/2

 http://www.bibliaonline.com.br/nvi/mc/2

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Versículos do dia: …lembrando-se da sua misericórdia.

 

flor (1)

Technorati Marcas:

Olha dos céus, da tua santa habitação, e abençoa Israel, o teu povo, e a terra que nos deste, conforme prometeste sob juramento aos nossos antepassados, terra onde manam leite e mel".Deuteronômio 26:15

Ajudou a seu servo Israel, lembrando-se da sua misericórdia-Lucas 1:54

 

REFLITAMOS e MEDITEMOS:

Deuteronômio 26: [http://www.bibliaonline.com.br/nvi/dt/26]

1-19-Quando vocês tiverem entrado na terra que o Senhor, o seu Deus, lhes dá por herança e dela tiverem tomado posse e lá estiverem estabelecidos,
apanhem alguns dos primeiros frutos de tudo o que produzirem na terra que o Senhor, o seu Deus, lhes dá e ponha tudo numa cesta. Depois vocês deverão ir ao local que o Senhor, o seu Deus, escolher para habitação do seu Nome
e dizer ao sacerdote que estiver exercendo o cargo naquela ocasião: "Declaro hoje ao Senhor, ao seu Deus, que vim para a terra que o Senhor jurou aos nossos antepassados que nos daria".
O sacerdote apanhará a cesta das suas mãos e a colocará em frente do altar do Senhor, do seu Deus.
Então vocês declararão perante o Senhor, o seu Deus: "O meu pai era um arameu errante. Ele desceu ao Egito com pouca gente e ali viveu e se tornou uma grande nação, poderosa e numerosa.
Mas os egípcios nos maltrataram e nos oprimiram, sujeitando-nos a trabalhos forçados.
Então clamamos ao Senhor, ao Deus dos nossos antepassados, e o Senhor ouviu a nossa voz e viu o nosso sofrimento, a nossa fadiga e a opressão que sofríamos.
Por isso o Senhor nos tirou do Egito com mão poderosa e braço forte, com feitos temíveis e com sinais e maravilhas.
Ele nos trouxe a este lugar e nos deu esta terra, terra onde manam leite e mel.
E agora trago os primeiros frutos do solo que tu, ó Senhor, me deste". Ponham a cesta perante o Senhor, o seu Deus, e curvem-se perante ele.
Vocês e os levitas e os estrangeiros que estiverem no meio de vocês se alegrarão com todas as coisas boas que o Senhor, o seu Deus, dá a vocês e às suas famílias.
Quando tiverem separado o dízimo de tudo quanto produziram no terceiro ano, o ano do dízimo, entreguem-no ao levita, ao estrangeiro, ao órfão e à viúva, para que possam comer até saciar-se nas cidades de vocês.
Depois digam ao Senhor, ao seu Deus: "Retirei da minha casa a porção sagrada e dei-a ao levita, ao estrangeiro, ao órfão e à viúva, de acordo com tudo o que ordenaste. Não me afastei dos teus mandamentos nem esqueci nenhum deles.
Não comi nada da porção sagrada enquanto estive de luto, nada retirei dela enquanto estive impuro, e dela não ofereci nada aos mortos. Obedeci ao Senhor, ao meu Deus; fiz tudo o que me ordenaste.
Olha dos céus, da tua santa habitação, e abençoa Israel, o teu povo, e a terra que nos deste, conforme prometeste sob juramento aos nossos antepassados, terra onde manam leite e mel".
O Senhor, o seu Deus, lhes ordena hoje que sigam estes decretos e ordenanças; obedeçam-lhes atentamente, de todo o seu coração e de toda a sua alma.
Hoje vocês declararam que o Senhor é o seu Deus e que vocês andarão nos seus caminhos, que guardarão os seus decretos, os seus mandamentos e as suas ordenanças, e que vocês lhe obedecerão.
E hoje o Senhor declarou que vocês são o seu povo, o seu tesouro pessoal, conforme ele prometeu, e que vocês terão que guardar todos os seus mandamentos.
Ele declarou que lhes dará uma posição de glória, fama e honra muito acima de todas as nações que ele fez, e que vocês serão um povo santo para o Senhor, para o seu Deus, conforme ele prometeu.

-Lucas 1:[http://www.bibliaonline.com.br/nvi/lc/1]

1-80-Muitos já se dedicaram a elaborar um relato dos fatos que se cumpriram entre nós,
conforme nos foram transmitidos por aqueles que desde o início foram testemunhas oculares e servos da palavra.
Eu mesmo investiguei tudo cuidadosamente, desde o começo, e decidi escrever-te um relato ordenado, ó excelentíssimo Teófilo,
para que tenhas a certeza das coisas que te foram ensinadas.
No tempo de Herodes, rei da Judéia, havia um sacerdote chamado Zacarias, que pertencia ao grupo sacerdotal de Abias; Isabel, sua mulher, também era descendente de Arão.
Ambos eram justos aos olhos de Deus, obedecendo de modo irrepreensível a todos os mandamentos e preceitos do Senhor.
Mas eles não tinham filhos, porque Isabel era estéril; e ambos eram de idade avançada.
Certa vez, estando de serviço o seu grupo, Zacarias estava servindo como sacerdote diante de Deus.
Ele foi escolhido por sorteio, de acordo com o costume do sacerdócio, para entrar no santuário do Senhor e oferecer incenso.
Chegando a hora de oferecer incenso, o povo todo estava orando do lado de fora.
Então um anjo do Senhor apareceu a Zacarias, à direita do altar do incenso.
Quando Zacarias o viu, perturbou-se e foi dominado pelo medo.
Mas o anjo lhe disse: "Não tenha medo, Zacarias; sua oração foi ouvida. Isabel, sua mulher, lhe dará um filho, e você lhe dará o nome de João.
Ele será motivo de prazer e de alegria para você, e muitos se alegrarão por causa do nascimento dele,
pois será grande aos olhos do Senhor. Ele nunca tomará vinho nem bebida fermentada, e será cheio do Espírito Santo desde antes do seu nascimento.
Fará retornar muitos dentre o povo de Israel ao Senhor, o seu Deus.
E irá adiante do Senhor, no espírito e no poder de Elias, para fazer voltar o coração dos pais a seus filhos e os desobedientes à sabedoria dos justos, para deixar um povo preparado para o Senhor".
Zacarias perguntou ao anjo: "Como posso ter certeza disso? Sou velho, e minha mulher é de idade avançada".
O anjo respondeu: "Sou Gabriel, o que está sempre na presença de Deus. Fui enviado para lhe transmitir estas boas novas.
Agora você ficará mudo. Não poderá falar até o dia em que isso acontecer, porque não acreditou em minhas palavras, que se cumprirão no tempo oportuno".
Enquanto isso, o povo esperava por Zacarias, estranhando sua demora no santuário.
Quando saiu, não conseguia falar nada; o povo percebeu então que ele tivera uma visão no santuário. Zacarias fazia sinais para eles, mas permanecia mudo.
Quando se completou seu período de serviço, ele voltou para casa.
Depois disso, Isabel, sua mulher, engravidou e durante cinco meses não saiu de casa.
E ela dizia: "Isto é obra do Senhor fez! Agora ele olhou para mim com favor, para desfazer a minha humilhação perante o povo. "
No sexto mês Deus enviou o anjo Gabriel a Nazaré, cidade da Galiléia,
a uma virgem prometida em casamento a certo homem chamado José, descendente de Davi. O nome da virgem era Maria.
O anjo, aproximando-se dela, disse: "Alegre-se, agraciada! O Senhor está com você! "
Maria ficou perturbada com essas palavras, pensando no que poderia significar esta saudação.
Mas o anjo lhe disse: "Não tenha medo, Maria; você foi agraciada por Deus!
Você ficará grávida e dará à luz um filho, e lhe porá o nome de Jesus.
Ele será grande e será chamado Filho do Altíssimo. O Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi,
e ele reinará para sempre sobre o povo de Jacó; seu Reino jamais terá fim".
Perguntou Maria ao anjo: "Como acontecerá isso, se sou virgem? "
O anjo respondeu: "O Espírito Santo virá sobre você, e o poder do Altíssimo a cobrirá com a sua sombra. Assim, aquele que há de nascer será chamado santo, Filho de Deus.
Também Isabel, sua parenta, terá um filho na velhice; aquela que diziam ser estéril já está em seu sexto mês de gestação.
Pois nada é impossível para Deus".
Respondeu Maria: "Sou serva do Senhor; que aconteça comigo conforme a tua palavra". Então o anjo a deixou.
Naqueles dias, Maria preparou-se e foi depressa para a uma cidade da região montanhosa da Judéia,
onde entrou na casa de Zacarias e saudou Isabel.
Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, o bebê agitou-se em seu ventre, e Isabel ficou cheia do Espírito Santo.
Em alta voz exclamou: "Bendita é você entre as mulheres, e bendito é o filho que você dará à luz!
Mas por que sou tão agraciada, a ponto de me visitar a mãe do meu Senhor?
Logo que a sua saudação chegou aos meus ouvidos, o bebê que está em meu ventre agitou-se de alegria.
Feliz é aquela que creu que se cumprirá aquilo que o Senhor lhe disse! "
Então disse Maria: "Minha alma engrandece ao Senhor
e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador,
pois atentou para a humildade da sua serva. De agora em diante, todas as gerações me chamarão bem-aventurada,
pois o Poderoso fez grandes coisas em meu favor; santo é o seu nome.
A sua misericórdia estende-se aos que o temem, de geração em geração.
Ele realizou poderosos feitos com seu braço; dispersou os que são soberbos no mais íntimo do coração.
Derrubou governantes dos seus tronos, mas exaltou os humildes.
Encheu de coisas boas os famintos, mas despediu de mãos vazias os ricos.
Ajudou a seu servo Israel, lembrando-se da sua misericórdia
para com Abraão e seus descendentes para sempre, como dissera aos nossos antepassados".
Maria ficou com Isabel cerca de três meses e depois voltou para casa.
Ao se completar o tempo de Isabel dar à luz, ela teve um filho.
Seus vizinhos e parentes ouviram falar da grande misericórdia que o Senhor lhe havia demonstrado e se alegraram com ela.
No oitavo dia foram circuncidar o menino e queriam dar-lhe o nome do pai, Zacarias;
mas sua mãe tomou a palavra e disse: "Não! Ele será chamado João".
Disseram-lhe: "Você não há nenhum parente com esse nome".
Então fizeram sinais ao pai do menino, para saber como queria que a criança se chamasse.
Ele pediu uma tabuinha e, para admiração de todos, escreveu: "O nome dele é João".
Imediatamente sua boca se abriu, sua língua se soltou e ele começou a falar, louvando a Deus.
Todos os vizinhos ficaram cheios de temor, e por toda a região montanhosa da Judéia se falava sobre essas coisas.
Todos os que ouviam falar disso se perguntavam: "O que vai ser este menino? " Pois a mão do Senhor estava com ele.
Seu pai, Zacarias, foi cheio do Espírito Santo e profetizou:
"Louvado seja o Senhor, o Deus de Israel, porque visitou e redimiu o seu povo.
Ele promoveu poderosa salvação para nós, na linhagem do seu servo Davi,
( como falara pelos seus santos profetas, na antigüidade ),
salvando-nos dos nossos inimigos e da mão de todos os que nos odeiam,
para mostrar sua misericórdia aos nossos antepassados e lembrar sua santa aliança,
o juramento que fez ao nosso pai Abraão:
resgatar-nos da mão dos nossos inimigos para servi-lo sem medo,
em santidade e justiça, diante dele todos os nossos dias.
E você, menino, será chamado profeta do Altíssimo, pois irá adiante do Senhor, para lhe preparar o caminho,
para dar ao seu povo o conhecimento da salvação, mediante o perdão dos seus pecados,
por causa das ternas misericórdias de nosso Deus, pelas quais do alto nos visitará o sol nascente
para brilhar sobre aqueles que estão vivendo nas trevas e na sombra da morte, e guiar nossos pés no caminho da paz".
E o menino crescia e se fortalecia no espírito; e viveu no deserto, até aparecer publicamente a Israel.

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Versículos do dia: …novo homem…em justiça e em santidade provenientes da verdade.

 

 

Technorati Marcas:

images (38)

 

Assim diz o Senhor ao povo de Judá e de Jerusalém: "Lavrem seus campos não arados e não semeiem entre espinhos.Jeremias 4:3

a serem renovados no modo de pensar e a revestir-se do novo homem, criado para ser semelhante a Deus em justiça e em santidade provenientes da verdade.Efésios 4:23,24

 

 

Da forma como Deus falava por intermédio dos profetas antes de Cristo, e como viera a falar depois através dos discípulos e apóstolos, sempre movidos pelo Espirito de Deus, nos é falado ainda hoje as mesmas palavras:  “ Assim diz o Senhor ao povo de Judá e de Jerusalém: "Lavrem seus campos não arados e não semeiem entre espinhos.Jeremias 4:3 ,  a serem renovados no modo de pensar e a revestir-se do novo homem, criado para ser semelhante a Deus em justiça e em santidade provenientes da verdade.Efésios 4:23,24- , o povo de Judá e Jerusalém já era o povo ‘escolhido por Deus’ para a promessa de dar continuidade a uma humanidade junto à Sua presença, assim como aos que são dirigida a carta de Paulo, aos Efésios, já eram os que tinham reconhecido e aceitado a Jesus por Salvador . Depois da vinda de Cristo ‘o povo que Deus escolheu para Salvação” , nada mais, nada menos do que ‘toda a humanidade’, assim as palavras de Deus é para todos, e a Salvação para todos quantos viessem a crer que enviou Seu Filho amado para lhes ‘resgatar a alma’, ‘salvar a vida para a eternidade junto à Sua Presença’, e bem sabemos que a Palavra de Deus é  viva e eficaz; assim enviou sua própria Palavra, ( o verbo de Deus – João 1) , JESUS para que fosse o CAMINHO para o homem se voltar à Ele, que nos trouxe a VERDADE de Deus, para que nela estejamos vivendo aqui na terra e permanecermos no Caminho que nos conduz à VIDA eterna junto à Deus, e, JESUS VIVE é o único EFICAZ para nos dar salvação da vida. Mas muitos continuam exatamente como o povo da antiguidade antes de Cristo, e outros ainda que reconhecendo a Jesus como salvador ainda não o aceitou de tal forma, pois continuam sem entender, obedecer e viver de  Sua Verdade,  assim ainda diz, “lavrem seus campos não arados e não semeiem entre espinhos”, para prepararmos nosso coração e mente para absorver a ‘semente das Boas Novas da Salvação em Cristo Jesus’ , para que não  haja ‘espinhos’, sentimentos e pensamentos  contrários à vontade de Deus, em nenhuma parte de nosso coração ou pensamento, porque não mais só por atos em desobediência a uma ‘lei’ de Deus, que veio a ser cumprida por Jesus que tirou este ‘jugo’ do homem, mas não que tenha tirado o dever a obediência, mas sim que esta agora seja voltada ao Evangelho que deixou, onde veio nos acrescer com esta Graça de Deus o ‘espiritual’ para que seja plena nossa vida já desde agora, aqui na terra , para que estejamos no Caminho da Verdade, e, neste espiritual tudo quanto pensarmos ou sentirmos já nos acarreta obediência ou desobediência, portando a ‘advertência’ “ a serem renovados no modo de pensar e a revestir-se do novo homem, criado para ser semelhante a Deus em justiça e em santidade provenientes da verdade”.

A profecia de Jeremias, veio a ser cumprida para aquele povo, que não quis dar ouvidos à palavra de Deus, Jerusalém fora devastada. Mas esta mesma profecia continua para nós hoje, no entanto ainda mais intensa, pois não trata-se mais da cidade de habitação terrena, mas sim é voltada a cada um de nós individualmente, para que não venhamos a ser devastados em nossa vida, ao ponto de não tomarmos posse da herança do Criador desta, que a criou à Sua imagem e semelhança, para viver em justiça e santidade junto à Ele, recebendo assim de todos seus ‘cuidados e proteção’ , a qual vida humana deu tudo o que criara para seu deleite,o que viera a ser perdido pelo  homem por ter se afastado dEle; no entanto  Jesus nos veio fazer ‘herdeiros’, e tendo entregado sua própria vida por nós, levando nossos pecados que nos afastaram de Deus, se fazendo o Mediador para estejamos já na posse desta herança, pois nos ‘resgatou a vida’ pelo maior preço, o qual não podemos contar, pois tudo quanto aqui existe fora por Ele feito e se ainda subsiste aqui é para  Ele, vencendo o mundo e a própria morte por nós, para que juntamente com Ele venhamos a ter esta Vida eterna, mas observemos e atentemos muito bem o que nos diz que esta Vida é proveniente da verdade de Deus, e só a teremos se estivermos nesta VERDADE que é o próprio Jesus, para que possamos pegar o CAMINHO de volta  a presença de Deus,  e, para  tomarmos posse da ‘herança’ temos que observar e obedecer, viver de acordo com esta Verdade qual seja o Evangelho das Boas Novas da Salvação em Cristo Jesus, este é o ‘renovar de nossas mentes’ para sermos ‘novo homem’ , pois agora já não mais criaturas de Deus, mas sim ‘filhos de Deus’ , esta é a Nova e Eterna Aliança de Deus para com o homem,  assim voltarmos à sua semelhança, proveniente da Verdade de Deus, e assim esta ‘a posse da herança’ , que é a VIDA eterna junto à Deus, com tudo do Seu melhor, somente em gozo, paz e alegria, vamos então  ‘encaixar’ a profecia para nossas vidas, pois agora vamos para uma Jerusalém Celestial, e quem já tiver este entendimento, deve como dito pelo profeta “ …‘Toquem a trombeta por toda esta terra! ’ Gritem bem alto e digam: ‘Reúnam-se! Fujamos para as cidades fortificadas! ’Ergam o sinal indicando Sião. Fujam sem demora em busca de abrigo!…-Jeremias 4:5-6-, a ‘cidade fortificada, o abrigo’ bem sabemos é JESUS, e SEU EVANGELHO DE BOAS NOVAS DA SALVAÇÃO assim devemos anunciar! mas lembremos que só o podemos verdadeiramente anunciar, se nEle estivermos vivendo plenamente .  por isto já profetizado “ "Naquele dia", diz o Senhor, "o rei e os seus oficiais perderão a coragem, os sacerdotes ficarão horrorizados e os profetas, perplexos. " …Ó Jerusalém, lave o mal do seu coração para que você seja salva. Até quando você vai acolher projetos malignos no íntimo?…"A sua própria conduta e as suas ações trouxeram isso sobre você. Como é amargo este seu castigo! Ele atinge até o seu coração!…" Até quando verei o sinal levantado e ouvirei o som da trombeta? … "O meu povo é tolo, eles não me conhecem. São crianças insensatas que nada compreendem. São hábeis para praticar o mal, mas não sabem fazer o bem. …" O que você está fazendo, ó cidade devastada? Por que se veste de vermelho e se enfeita com jóias de ouro? Por que você passa sombra nos olhos? Você se embeleza em vão, pois os seus amantes a desprezam e querem tirar-lhe a vida.(Jeremias 4:9, 14 ,18 ,21,22,30)-

Assim fica direcionado a cada um de nós hoje este trecho da carta de Paulo , que venhamos a ler com muita reflexão e meditação :

“Como prisioneiro no Senhor, rogo-lhes que vivam de maneira digna da vocação que receberam.
Sejam completamente humildes e dóceis, e sejam pacientes, suportando uns aos outros com amor.
Façam todo o esforço para conservar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz.
um só corpo e um só Espírito, assim como a esperança para a qual vocês foram chamados é uma só;
há um só Senhor, uma só fé, um só batismo,
um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos, por meio de todos e em todos.
E a cada um de nós foi concedida a graça, conforme a medida repartida por Cristo.
Por isso é que foi dito: "Quando ele subiu em triunfo às alturas, levou cativo muitos prisioneiros, e deu dons aos homens".
( Que significa "ele subiu", senão que também descera às profundezas da terra?
Aquele que desceu é o mesmo que subiu acima de todos os céus, a fim de encher todas as coisas. )
E ele designou alguns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres,
com o fim de preparar os santos para a obra do ministério, para que o corpo de Cristo seja edificado,
até que todos alcancemos a unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, e cheguemos à maturidade, atingindo a medida da plenitude de Cristo.
O propósito é que não sejamos mais como crianças, levados de um lado para outro pelas ondas, nem jogados para cá e para lá por todo vento de doutrina e pela astúcia e esperteza de homens que induzem ao erro.
Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo.
Dele todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função.
Assim, eu lhes digo, e no Senhor insisto, que não vivam mais como os gentios, que vivem na futilidade dos seus pensamentos.
Eles estão obscurecidos no entendimento e separados da vida de Deus por causa da ignorância em que estão, devido ao endurecimento dos seus corações.
Tendo perdido toda a sensibilidade, ele se entregaram à depravação, cometendo com avidez toda espécie de impureza.
Todavia, não foi assim que vocês aprenderam de Cristo.
De fato, vocês ouviram falar dele, e nele foram ensinados de acordo com a verdade que está em Jesus.
Quanto à antiga maneira de viver, vocês foram ensinados a despir-se do velho homem, que se corrompe por desejos enganosos,
a serem renovados no modo de pensar e
a revestir-se do novo homem, criado para ser semelhante a Deus em justiça e em santidade provenientes da verdade.
Portanto, cada um de vocês deve abandonar a mentira e falar a verdade ao seu próximo, pois todos somos membros de um mesmo corpo.
"Quando vocês ficarem irados, não pequem". Apazigüem a sua ira antes que o sol se ponha,
e não dêem lugar ao diabo.
O que furtava não furte mais; antes trabalhe, fazendo algo de útil com as mãos, para que tenha o que repartir com quem estiver em necessidade.
Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem.
Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção.
Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade.
Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus perdoou vocês em Cristo.
Efésios 4:1-32 
(sublinhado por mim)

Fica ainda a profecia de Jeremias na sua íntegra para reflexão e meditação:

"Se você voltar, ó Israel, volte para mim", diz o Senhor. "Se você afastar para longe de minha vista os seus ídolos detestáveis, e não se desviar,
se você jurar pelo nome do Senhor, com fidelidade, justiça e retidão, então as nações serão por ele abençoadas e nele se gloriarão. "
Assim diz o Senhor ao povo de Judá e de Jerusalém: "Lavrem seus campos não arados e não semeiem entre espinhos.
Purifiquem-se para o Senhor, sejam fiéis à aliança, homens de Judá e habitantes de Jerusalém! Se não fizerem isso, a minha ira se acenderá e queimará como fogo, por causa do mal que vocês fizeram; queimará e ninguém conseguirá apagá-la.
"Anunciem em Judá! Proclamem em Jerusalém: ‘Toquem a trombeta por toda esta terra! ’ Gritem bem alto e digam: ‘Reúnam-se! Fujamos para as cidades fortificadas! ’
Ergam o sinal indicando Sião. Fujam sem demora em busca de abrigo! Porque do Norte eu estou trazendo desgraça, uma grande destruição".
Um leão saiu da sua toca, um destruidor de nações se pôs a caminho. Ele saiu de onde vive para arrasar a sua terra. Suas cidades ficarão em ruínas e sem habitantes.
Por isso, ponham vestes de lamento, chorem e gritem, pois o fogo da ira do Senhor não se desviou de nós.
"Naquele dia", diz o Senhor, "o rei e os seus oficiais perderão a coragem, os sacerdotes ficarão horrorizados e os profetas, perplexos. "
Então eu disse: "Ah, Soberano Senhor, como enganaste completamente este povo e a Jerusalém dizendo: ‘Vocês terão paz’, quando a espada está em nossa garganta".
Naquela época será dito a este povo e a Jerusalém: "Um vento escaldante, que vem das dunas do deserto, sopra na direção da minha filha, do meu povo, mas não para peneirar nem para limpar.
É um vento forte demais, que vem da minha parte. Agora eu pronunciarei as minhas sentenças contra eles".
Vejam! Ele avança como as nuvens; os seus carros de guerra são como um furacão e os seus cavalos são mais velozes do que as águias. Ai de nós! Estamos perdidos!
Ó Jerusalém, lave o mal do seu coração para que você seja salva. Até quando você vai acolher projetos malignos no íntimo?
Ouve-se uma voz proclamando desde Dã, desde os montes de Efraim se anuncia calamidade.
"Relatem isso a esta nação e proclamem contra Jerusalém: ‘Um exército inimigo está vindo de uma terra distante, dando seu grito de guerra contra as cidades de Judá.
Eles a cercam como homens que guardam um campo, pois ela se rebelou contra mim’ ", declara o Senhor.
"A sua própria conduta e as suas ações trouxeram isso sobre você. Como é amargo este seu castigo! Ele atinge até o seu coração! "
Ah, minha angústia, minha angústia! Eu me contorço de dor. Ó paredes do meu coração! O meu coração dispara dentro de mim; não posso ficar calado. Ouvi o som da trombeta, ouvi o grito de guerra.
Um desastre depois do outro; toda a minha terra foi devastada. Num instante as minhas tendas foram destruídas, e os meus abrigos num momento.
Até quando verei o sinal levantado e ouvirei o som da trombeta?
"O meu povo é tolo, eles não me conhecem. São crianças insensatas que nada compreendem. São hábeis para praticar o mal, mas não sabem fazer o bem. "
Olhei para a terra e ela era sem forma e vazia; e para os céus, e a sua luz tinha desaparecido.
Olhei para os montes e eles estavam tremendo; todas as colinas estavam oscilando.
Olhei, e não havia mais gente; todas as aves do céu tinham fugido em revoada.
Olhei, e a terra fértil era deserto; todas as suas cidades estavam em ruínas por causa do Senhor, por causa do fogo da sua ira.
Assim diz o Senhor: "Toda esta terra ficará devastada, embora eu não vá destruí-la completamente.
Por causa disso, a terra ficará de luto e o céu, em cima, se escurecerá; porque eu falei, e não me arrependi, decidi, e não voltei atrás".
Quando se ouvem os cavaleiros e os flecheiros, todos os habitantes da cidade fogem. Alguns vão para o meio dos arbustos; outros escalam as rochas. Todas as cidades são abandonadas, e ficam sem habitantes.
O que você está fazendo, ó cidade devastada? Por que se veste de vermelho e se enfeita com jóias de ouro? Por que você passa sombra nos olhos? Você se embeleza em vão, pois os seus amantes a desprezam e querem tirar-lhe a vida.
Ouvi um grito, como de mulher em trabalho de parto, como a agonia de uma mulher ao dar à luz o primeiro filho. É o grito da cidade de Sião, que está ofegante e estende as mãos, dizendo: "Ai de mim! Estou desfalecendo. Minha vida está nas mãos de assassinos! "
Jeremias 4:1-31

Que criemos o habito de ler diariamente As Escrituras Sagradas, a Bíblia, Deus a deixou escrita para cada um de nós estarmos lendo, refletindo, meditando. Não se desanime na leitura, se esta te parecer não compreensível, ore para que Deus dê o discernimento através de Seu Santo Espirito, se não vier no momento da leitura, guarde em seu coração, que no momento oportuno lhe será revelado o entendimento. Se não tem costume de ler a Bíblia, eu sugiro que comece a ler pelo Evangelho de Jesus,  que encontra-se no Novo testamento, segundo Mateus, Marcos, Lucas e João, pois ficará  de mais fácil entendimento depois a leitura do demais. Se já a leu de Genesis ao Apocalipse, não pense que a terminou de ler, pois a cada dia se renova, trás novas revelações, é realmente viva e eficaz!

“Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam; João 5: 39”

C O M P A R T I L H A R... isto é viver...é aprender...






Recomendo que clique no link indicado no final de cada postagem efetuada só com a introdução, para leitura integral do texto publicado na íntegra na folha CONTINUA.