Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. João 14:6

__________________VERSÍCULOS DO DIA ______________

E, aproximando-se dele um escriba, disse-lhe: Mestre, aonde quer que fores, eu te seguirei.E disse Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu têm ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça. Mateus8:19,20
E disse a outro: Segue-me. Mas ele respondeu: Senhor, deixa que primeiro eu vá a enterrar meu pai. Mas Jesus lhe observou: Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos; porém tu vai e anuncia o reino de Deus. Lucas9:59,60
>
- se preferir texto parado, pare o mouse sobre o versículo-

Abaixo publico algumas anotações sobre estes versículos.
Não deixe de ler as citações bíblicas, pois delas é que compartilho
* Deus nos abençoe *
***
*Faça a sua reflexão sobre estes versículos, pois DEUS quer falar diretamente com você, lembre-se que ELE te chama pelo seu nome e quer escrevê-lo e mantê-lo no Livro da Vida Eterna.*
***

(Se necessário, ATUALIZE A FOLHA PARA VISUALIZAR AS ANOTAÇÕES DOS VERSÍCULOS DE HOJE
http://wwwcompartilhar.blogspot.com/


segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

___Versículos de hoje: FÉ VERDADEIRA





Assim diz o Senhor: "Maldito é o homem que confia nos homens, que faz da humanidade mortal a sua força, mas cujo coração se afasta do Senhor. "Mas bendito é o homem cuja confiança está no Senhor, cuja confiança nele está.Jeremias 17:5,7


pois passamos a ser participantes de Cristo, desde que, de fato, nos apeguemos até o fim à confiança que tivemos no princípio.Hebreus 3:14

DEUS que é Pai/Filho e Espirito Santo, é o Deus Criador , e onde só havia trevas disse  “Disse Deus: "Haja luz", e houve luz. Deus viu que a luz era boa, e separou a luz das trevas. Depois disse Deus: "Haja entre as águas um firmamento que separe águas de águas". Então Deus fez o firmamento e separou as águas que estavam embaixo do firmamento das que estavam por cima. E assim foi.
Ao firmamento Deus chamou céu…Então disse Deus: "Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança. Domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais grandes de toda a terra e sobre todos os pequenos animais que se movem rente ao chão".( Genesis 1);  estava no firmamento e deu o domínio da terra ao homem, com o qual mantinha contato permanente. Deus assim  digno é de  toda a obediência, honra e glória; mas o homem foi desobediente, assim pecando, e fora afastado da presença de Deus. Mas  Deus não desistiu do homem a quem criara, não o abandonou, nem o destruiu, e por inúmeras vezes, tentou leva-lo de volta à Sua presença, mas o homem continuava a pecar, e cada vez mais distante de Seu Criador, sendo que quanto mais se distanciava, mais era ‘dominado’ pelo pecado instituído pelo maligno-satanás, mesmo assim Deus persistia, e tendo ‘separado’ um povo específico, para levar de volta à Sua presença, e permaneceriam de geração em geração sendo abençoados e protegidos ; sendo que o restante, que não quisera se juntar a este ‘povo’,  distante do Criador que detinha Todo o Poder, achando por si só iriam se se ajudar uns aos outros , e mediante a ‘deus’ que eles próprios criavam, buscavam forças em suas próprias mão, e acabariam por se destruir.
Deus  constituía ‘ profetas’ com os quais falava através de Seu Espirito, para que orientassem  seu povo a continuar em Sua presença, os quais seriam levados a ‘uma porção da terra’ onde teriam as provisões para todas as necessidades, e ali seriam guardados por Deus, e neste intuito realizava grandes ‘maravilhas de poder’ incontáveis a favor deste povo para que não fossem destruídos pelos demais; no entanto por quarenta anos este povo foi ‘ingrato’, se revoltavam contra Deus, queriam realizações pessoais imediatas durante a caminhada rumo a ‘terra prometida’ , insultavam os ‘profetas de Deus’ que estavam os guiando, insultando assim o próprio Deus, pois chegaram a ‘criar deus’ para se satisfazerem por falta de confiança no Deus verdadeiro e Criador; assim Deus não permitiu que por estes ‘pecados’ este povo entrasse na terra que lhes prometeu, sendo que realmente quem possuiu esta terra foi a descendência deste povo que acabaram morrendo no deserto que estavam atravessando para chegar à terra prometida.
E a descendência que herdou a terra que Deus prometeu,  continuava a desobedecer ao Criador, não dava ouvidos aos profetas, vinham  a se contaminar com os demais, diante de seus próprio desejos, e a eles se juntavam em ‘adoração’ e confiança em  ‘deuses’ que haviam criado com os seus pecados, achando ainda que encontrariam forças por suas próprias mãos. Mas o Criador em suas Misericórdias e Amor, continuava a não destruir o homem , dia apos dia renovava estas misericórdias, e continuava falando ao povo através dos profetas;  mas estes só se voltavam à Deus, quando se viam diante da ‘morte’ pelo pecado, e mesmo recebendo os cuidados do Criador e se fortalecendo, novamente voltavam atrás,  criando uma ‘ira’ em Deus. Mesmo assim ainda permanecia Deus com seu intuito e não vinha a acabar com sua criação. E no decorrer de muito tempo já não havia outra forma de Deus ter o homem de volta a Sua presença, a não ser por um sacrifício de si mesmo, pois por profetas que se sacrificavam  em sua vida pessoal para cumprir com o mandar de Deus de ‘falar’ e ‘demonstrar’ ao povo o que aconteceria se não se voltassem a Deus, que seriam destruídos, que só permaneceria quem confiasse em Deus e o obedecesse, nem estes eram ouvidos, tornando inútil  o que outros profetas ofereciam em sacrifícios para purificação do povo,  que ofertavam suas primícias para holocausto, no entanto não surtia efeitos, diante da desobediência, pois diziam ‘crer e confiar’ em Deus e  faziam ofertas e sacrifícios, mas continuavam a viver de acordo com seus próprio desejos, buscando forças em si próprios,  e não davam ouvidos ao mandar do  Deus Todo Poderoso.
Assim Deus cumpriu com o Plano de Salvação deste homem que o abandonará pelo ‘pecado’, tirando de Sua própria glória Seu Filho amado Jesus, que se humilhando veio a terra como homem, para pessoalmente falar ao povo o mandar de Deus, pregando um Evangelho que era já para a salvação de toda a humanidade, pois todos estavam da mesma forma contaminados pelo ‘pecado’;  sendo este Seu Evangelho e o sacrifício de oferta de sua própria vida, uma Nova e Eterna Aliança de Deus para com o homem, onde toda a ‘lei’ colocada antes, em diversas alianças,  o homem não a conseguia cumprir e vinha a corromper. Mas a Aliança que Jesus veio firmar para o povo já não se tratava mais de cumprimento de lei na terra, e sim veio a cumpri toda esta lei, resumindo tudo em Seu próprio amor, gratuitamente pela Graça de Deus,  assim veio ‘redimir’ o povo desta lei, mas a acrescer  uma parte ‘espiritual’, qual seja uma fé verdadeira, para que houvesse o arrependimento do ‘antigo caminhar’ do homem, e tomassem o Seu CAMINHO de volta a Deus Criador, o qual somente deveria ser adorado, pois assim digno é,  e, cuja fé lhes faria  obedecer de acordo com o que estava a lhes falar, a ensinar e pregar, já anunciando o seu próprio sacrifício para que por seu sangue, ficasse purificado dos ‘pecados, todos quantos viessem a crer com a fé de que todo este Seu Ministério como Filho de Deus vindo do próprio Deus, com a entrega de Sua própria vida, tão somente por Amor;  e,  somente era Amor que vinha a instituir como dever ao homem, primeiramente o Amor de retorno a Deus que os amou primeiro, e estava o comprovando com sua própria vida, e que houvesse deste amor entre os homens, que cada um deveria amar ao seu próximo, no que baseava todos seus ensinamentos; e assim mediante o verdadeiro  Amor a Deus e ao próximo todos os demais mandamento de Deus estariam sendo cumpridos, pois se houvesse este Amor não seriam ‘descumpridos’ os demais, e seriam assim obedecido tudo quanto estava a lhes ordenar, Seu Evangelho da forma como estava a anunciar, e para tanto foi até as últimas consequências, como bem já o sabemos, toda a humilhação, dor , e maior sofrimento na cruz quando totalmente puro, sem pecado algum, tomou sobre si o ‘peso’ do pecado de toda a humanidade, consumando assim tudo quanto pregara, de onde deveria brotar a verdadeira fé no homem, a qual deveria ser tamanha ao ponto do arrependimento de tudo quanto já houvera feito e se voltasse a Deus que o estava perdoando, através deste tão imensurável amor, e tão incontável preço a que Jesus estava pagando; se tornando assim o homem um ‘novo homem’ de acordo com os ensinamentos que Jesus veio a pregar, o EVANGELHO DAS BOAS NOVAS DA SALVAÇÃO, que ficou ali na cruz consumado, com seu sangue ali derramado, e,  entregando Sua Vida ao Pai.  Deus completou este seu plano  ressuscitando a Jesus, que vivo confirmou tudo a seus discípulos que foram testemunhas de tudo quanto ocorrera, e de tudo quanto ensinará, dando-lhes ainda outras instruções, com poder, para que fossem fazer as mesmas obras que Ele havia efetuado para comprovar que vinha de Deus, acrescentando a estes um novo mandamento, que diante de tudo o ocorrido viessem a ter entre si  o mesmo Amor que Ele lhes  demonstrou e consumou na cruz, para que assim fossem anunciar todas as BOAS NOVAS DA SALVAÇÃO, ensinando o que deveria os novos convertidos obedecer, qual seja seu Evangelho.  E, ainda mais maravilhoso neste ‘plano de salvação’ de Deus através de Jesus, é que tendo ressuscitado a Jesus que voltou à Sua Glória, como nosso Sumo Sacerdote perante ao Pai, nos envia o Seu Santo Espirito para que habitasse em nós mesmos, os que crerem, para que de tudo quanto necessário é para se manter na presença de Deus, Este Espirito efetuará em nós, nos lembrando o  Evangelho que  Jesus  pregou , o qual devemos obedecer, nos ajudará nisto, nos fortalecendo  ‘de fraquezas humanas’ , nos consolando diante de situações terrenas, para que venhamos a viver mesmo que ainda aqui na terra a ‘vida espiritual’ que Jesus nos ensinou, e esta,  com o ‘olhar da fé’ que Ele consumou, e nos garantindo assim a presença constante de Jesus conosco, o qual nos dá livre acesso de entrar na Santíssima presença de Deus a qualquer instante, e podermos desde já sermos beneficiados com esta nova vida , onde nos é suprido qualquer tipo de necessidade, se estivermos na VERDADE que Jesus nos trouxe, estando assim trilhando o CAMINHO que é , até chegarmos na VIDA Eterna que veio nos conceder.
Tudo quanto escrito acima,  e nos versículos anunciados no dia de hoje e respectivos capítulos, é justamente o ‘resumo’ de tudo quanto acontecera desde a criação, como  o relato de Jeremias, iguala-se sempre com demais passagens e profecias;  e,  mesmo depois da Graça de Deus, diante das diversas ‘recomendações dos discípulos de Jesus, como a mencionada em Hebreus e tantas outras registradas,  o que acontecia antes de Jesus ainda acontece nos dias de hoje com a humanidade, mesmo já na Graça de Deus onde deveria estar mais voltada a vida espiritual deixando a carnal somente como de vida nesta pequena passagem pela terra,  a maioria dos homens continua confiando no próprio homem,  mesmo confessando amar a Deus, e muitos até que diz aceitar Jesus, continua a viver de acordo com seus desejos próprios, onde o Evangelho genuíno de Jesus acaba por ser alterado, ou dele tirado apenas o que de conveniência a muitos,.
Tudo  encontra-se relatado integralmente nas Escrituras Sagradas, a Bíblia, sendo sempre que de tudo há sempre somente duas opções de escolha, entre a luz/ bem (Deus) e as trevas/ mal (satanás), ou seja a luz/ vida (Jesus) ou as trevas/morte  (satanás). E de forma que a cada passagem do Velho testamento, Deus já tinha feito ‘promessas maravilhosas de amor e bem’  ao seu povo, algumas cumpridas nos que foram fiéis,  e não cumpridas, se tornando ‘maldição pelo mal e a  falta de amor ’  a quem não obedeceu a ‘lei’, seguindo seus próprios desejos. Outras  anunciadas para todo o povo, inclusive para nós hoje…eu, você.., mas diante de tantas desobediências,  ‘pecados’, insultos, endurecimento de coração do povo, não houve o cumprimento, mas Jesus nos veio a confirma-las no Novo Testamento que falou, ensinou e escreveu, e,  a elas ainda acrescentar outra ainda mais maravilhosas, sendo a principal a Vida Eterna junto a Gloria de Deus, contanto que haja a verdadeira fé, que produza os frutos do arrependimento, e a obediência ao Seu mandar, ao Seu Evangelho da forma como o anunciará, surgindo assim os frutos do Espirito, que devem ser a marca de nossa ‘nova vida’ , sendo que de tudo já somos herdeiros deste Novo Testamento, pois Seu Autor, nesta vida já morreu, mas ressuscitado, Vivo está junto ao Pai Celeste por nos ser como ‘advogado’, intercessor, justificador , para que de tudo já venhamos a desfrutar, com a ajuda e revelação do Espirito Santo de Deus que nos enviou, contanto que da forma como cremos com a fé inicial devemos permanecer até que Jesus volte para tomarmos posse da Vida eterna junto a Glória de Deus.
pois ele é o nosso Deus, e nós somos o povo do seu pastoreio, o rebanho que ele conduz. Hoje, se vocês ouvirem a sua voz, não endureçam o coração, como em Meribá, como aquele dia em Massá, no deserto, Salmos 95:7-8
O coração é mais enganoso que qualquer outra coisa e sua doença é incurável. Quem é capaz de compreendê-lo? "Eu sou o Senhor que sonda o coração e examina a mente, para recompensar a cada um de acordo com a sua conduta, de acordo com as suas obras. " -Jeremias 17:9-10
Ó Senhor, esperança de Israel, todos os que te abandonarem Sofrerão vergonha; aqueles que se desviarem de ti terão os seus nomes escritos no pó, pois abandonaram o Senhor, a fonte de água viva.-Jeremias 17:13
Cuidado, irmãos, para que nenhum de vocês tenha coração perverso e incrédulo, que se afaste do Deus vivo. Pelo contrário, encorajem-se uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama "hoje", de modo que nenhum de vocês seja endurecido pelo engano do pecado,-Hebreus 3:12-13
Mas a Escritura encerrou tudo debaixo do pecado, a fim de que a promessa, que é pela fé em Jesus Cristo, fosse dada aos que crêem. Antes que viesse esta fé, estávamos sob a custódia da lei, nela encerrados, até que a fé que haveria de vir fosse revelada.  Assim, a lei foi o nosso tutor até Cristo, para que fôssemos justificados pela fé. Agora, porém, tendo chegado a fé, já não estamos mais sob o controle do tutor. Todos vocês são filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus, (Gálatas 3:22-26),
Portanto, santos irmãos, participantes do chamado celestial, fixem os seus pensamentos em Jesus, apóstolo e sumo sacerdote que confessamos.-Hebreus 3:1
mas Cristo é fiel como Filho sobre a casa de Deus; e esta casa somos nós, se é que nos apegamos firmemente à confiança e à esperança da qual nos gloriamos.-Hebreus 3:6
E a quem jurou que nunca haveriam de entrar no seu descanso? Não foi àqueles que foram desobedientes? Vemos, assim, que foi por causa da incredulidade que não puderam entrar. Hebreus 3:18-19
Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos.-Hebreus 11:1

Portanto não sejamos incrédulos! Mas observemos bem que ‘crer’  não é dizer sim eu creio, tenho fé…, mas é ter  a verdadeira fé, a qual Jesus é autor e consumador,  a qual deve gerar o verdadeiro arrependimento das ‘obras meramente carnais’ , do proveito ou conveniência pessoal, assim consequentemente  gera também ‘o obedecer’ ao  Evangelho genuíno  de Jesus em sua integralidade, e esta fé é aceitar a Graça e ter plena confiança em Deus Todo Poderoso tão somente, que se faz presente conosco através do mover de Seu Santo Espirito. E  já dito pelo mesmo Espirito Santo de Deus:
Escreva: "O ímpio está envaidecido; seus desejos não são bons; mas o justo viverá pela sua fidelidade.Habacuque 2:4
Porque no evangelho é revelada a justiça de Deus, uma justiça que do princípio ao fim é pela fé, como está escrito: "O justo viverá pela fé".Romanos 1:17
É evidente que diante de Deus ninguém é justificado pela lei, pois "o justo viverá pela fé".Gálatas 3:1
Por isso, não abram mão da confiança que vocês têm; ela será ricamente recompensada.
Vocês precisam perseverar, de modo que, quando tiverem feito a vontade de Deus, recebam o que ele prometeu;  pois em breve, muito em breve "Aquele que vem virá, e não demorará.  Mas o meu justo viverá pela fé. E, se retroceder, não me agradarei dele".
Hebreus 10:35-38
Porque Jesus disse: “ "Não se perturbe o coração de vocês. Creiam em Deus; creiam também em mim.
Na casa de meu Pai há muitos aposentos; se não fosse assim, eu lhes teria dito. Vou preparar-lhes
lugar. E se eu for e lhes preparar lugar, voltarei e os levarei para mim, para que vocês estejam onde eu estiver. João 14:1-3
e Jesus diz e ainda indaga: “ Acaso Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele dia e noite? Continuará fazendo-os esperar?  Eu lhes digo: ele lhes fará justiça, e depressa. Contudo, quando o Filho do homem vier, encontrará fé na terra? "Lucas 18:7-8

e, nós, que possamos realmente com nosso viver  afirma: “ Nós, porém, não somos dos que retrocedem e são destruídos, mas dos que crêem e são salvos. -Hebreus 10:39”

Fica na íntegra os capítulos dos versículos de hoje para reflexão:
-Hebreus 3: (http://www.bibliaonline.com.br/nvi/hb/3)
1-19--Portanto, santos irmãos, participantes do chamado celestial, fixem os seus pensamentos em Jesus, apóstolo e sumo sacerdote que confessamos.
Ele foi fiel àquele que o havia constituído, assim como Moisés foi fiel em toda a casa de Deus.
Jesus foi considerado digno de maior glória do que Moisés, da mesma forma que o construtor de uma casa tem mais honra do que a própria casa.
Pois toda casa é construída por alguém, mas Deus é o edificador de tudo.
Moisés foi fiel como servo em toda a casa de Deus, dando testemunho do que haveria de ser dito no futuro,
mas Cristo é fiel como Filho sobre a casa de Deus; e esta casa somos nós, se é que nos apegamos firmemente à confiança e à esperança da qual nos gloriamos.
Assim, como diz o Espírito Santo: "Hoje, se vocês ouvirem a sua voz,
não endureçam o coração, como na rebelião, durante o tempo de provação no deserto,
onde os seus antepassados me tentaram, pondo-me à prova, apesar de, durante quarenta anos, terem visto o que eu fiz.
Por isso fiquei irado contra aquela geração e disse: Os seus corações estão sempre se desviando, e eles não reconheceram os meus caminhos.
Assim jurei na minha ira: Jamais entrarão no meu descanso".
Cuidado, irmãos, para que nenhum de vocês tenha coração perverso e incrédulo, que se afaste do Deus vivo.
Pelo contrário, encorajem-se uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama "hoje", de modo que nenhum de vocês seja endurecido pelo engano do pecado,
pois passamos a ser participantes de Cristo, desde que, de fato, nos apeguemos até o fim à confiança que tivemos no princípio.
Por isso é que se diz: "Se hoje vocês ouvirem a sua voz, não endureçam o coração, como na rebelião".
Quem foram os que ouviram e se rebelaram? Não foram todos os que Moisés tirou do Egito?
Contra quem Deus esteve irado durante quarenta anos? Não foi contra aqueles que pecaram, cujos corpos caíram no deserto?
E a quem jurou que nunca haveriam de entrar no seu descanso? Não foi àqueles que foram desobedientes?
Vemos, assim, que foi por causa da incredulidade que não puderam entrar.

Jeremias 17: (http://www.bibliaonline.com.br/nvi/jr/17)
1-27"O pecado de Judá está escrito com estilete de ferro, gravado com ponta de diamante, nas tábuas dos seus corações e nas pontas dos seus altares.
Os filhos deles se lembram dos seus altares e dos postes de Aserá, ao lado das árvores verdejantes e sobre os montes altos
e sobre as montanhas do campo. As riquezas de vocês e todos os seus tesouros, eu os darei como despojo, como preço por todos os seus pecados nos altares idólatras, por toda a sua terra.
Você mesmo perdeu a posse da herança que eu lhe tinha dado. Eu o farei escravo de seus inimigos numa terra que você não conhece, pois acendeu-se a minha ira, que arderá para sempre. "
Assim diz o Senhor: "Maldito é o homem que confia nos homens, que faz da humanidade mortal a sua força, mas cujo coração se afasta do Senhor.
Ele será como um arbusto no deserto; não verá quando vier algum bem. Habitará nos lugares áridos do deserto, numa terra salgada onde não vive ninguém.
"Mas bendito é o homem cuja confiança está no Senhor, cuja confiança nele está.
Ele será como uma árvore plantada junto às águas e que estende as suas raízes para o ribeiro. Ela não temerá quando chegar o calor, porque as suas folhas estão sempre verdes; não ficará ansiosa no ano da seca nem deixará de dar fruto".
O coração é mais enganoso que qualquer outra coisa e sua doença é incurável. Quem é capaz de compreendê-lo?
"Eu sou o Senhor que sonda o coração e examina a mente, para recompensar a cada um de acordo com a sua conduta, de acordo com as suas obras. "
O homem que obtém riquezas por meios injustos é como a perdiz que choca ovos que não pôs. Quando a metade da sua vida tiver passado, elas o abandonarão, e, no final, ele se revelará um tolo.
Um trono glorioso, exaltado desde o início, é o lugar de nosso santuário.
Ó Senhor, esperança de Israel, todos os que te abandonarem Sofrerão vergonha; aqueles que se desviarem de ti terão os seus nomes escritos no pó, pois abandonaram o Senhor, a fonte de água viva.
Cura-me, Senhor, e serei curado; salva-me, e serei salvo, pois tu és aquele a quem eu louvo.
Há os que vivem me dizendo: "Onde está a palavra do Senhor? Que ela se cumpra! "
Mas não insisti eu contigo para que afastasses a desgraça? Tu sabes que não desejei o dia do desespero. Sabes o que saiu de meus lábios, pois está diante de ti.
Não sejas motivo de pavor para mim; tu és o meu refúgio no dia da desgraça.
Que os meus perseguidores sejam humilhados, mas não eu; que eles sejam aterrorizados, mas não eu. Traze sobre eles o dia da desgraça; destrói-os com destruição dobrada.
Assim me disse o Senhor: "Vá colocar-se à porta do Povo, por onde entram e saem os reis de Judá; faça o mesmo junto a todas as portas de Jerusalém.
Diga-lhes: ‘Ouçam a palavra do Senhor, reis de Judá, todo o Judá e todos os habitantes de Jerusalém, vocês que passam por essas portas.
Assim diz o Senhor: Por amor à vida de vocês, tenham o cuidado de não levar cargas nem de fazê-las passar pelas portas de Jerusalém no dia de sábado.
Não levem carga alguma para fora de casa nem façam nenhum trabalho no sábado, mas guardem o dia de sábado como dia consagrado, como ordenei aos seus antepassados.
Contudo, eles não me ouviram nem me deram atenção; foram obstinados e não quiseram ouvir nem aceitar a disciplina.
Mas se vocês tiverem o cuidado de obedecer-me, diz o Senhor, e não fizerem passar carga alguma pelas portas desta cidade no sábado, mas guardarem o dia de sábado como dia consagrado, deixando de realizar nele todo e qualquer trabalho,
então os reis que se assentarem no trono de Davi entrarão pelas portas desta cidade em companhia de seus conselheiros. Eles e os seus conselheiros virão em carruagens e cavalos, acompanhados dos homens de Judá e dos habitantes de Jerusalém; e esta cidade será habitada para sempre.
Virá gente das cidades de Judá e dos povoados ao redor de Jerusalém, do território de Benjamim e da Sefelá, das montanhas e do Neguebe, trazendo holocaustos e sacrifícios, ofertas de cereal, incenso e ofertas de ação de graças ao templo do Senhor.
Mas, se vocês não me obedecerem e deixarem de guardar o sábado como dia consagrado, fazendo passar cargas pelas portas de Jerusalém no dia de sábado, porei fogo nas suas portas, que consumirá os seus palácios’ ".
Fica ainda o Salmos 95 bem oportuno neste assunto:
-Salmos 95: (http://www.bibliaonline.com.br/nvi/sl/95
1-11-Venham! Cantemos ao Senhor com alegria! Aclamemos a Rocha da nossa salvação.
Vamos à presença dele com ações de graças; vamos aclamá-lo com cânticos de louvor.
Pois o Senhor é o grande Deus, o grande Rei acima de todos os deuses.
Nas suas mãos estão as profundezas da terra, os cumes dos montes lhe pertencem.
Dele também é o mar, pois ele o fez; as suas mãos formaram a terra seca.
Venham! Adoremos prostrados e ajoelhemos diante do Senhor, o nosso Criador;
pois ele é o nosso Deus, e nós somos o povo do seu pastoreio, o rebanho que ele conduz. Hoje, se vocês ouvirem a sua voz,
não endureçam o coração, como em Meribá, como aquele dia em Massá, no deserto,
onde os seus antepassados me tentaram, pondo-me à prova, apesar de terem visto o que eu fiz.
Durante quarenta anos fiquei irado contra aquela geração e disse: "Eles são um povo de coração ingrato; não reconheceram os meus caminhos".
Por isso jurei na minha ira: "Jamais entrarão no meu descanso".
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

“Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam; João 5: 39”

C O M P A R T I L H A R... isto é viver...é aprender...






Recomendo que clique no link indicado no final de cada postagem efetuada só com a introdução, para leitura integral do texto publicado na íntegra na folha CONTINUA.